promotion image of download ymail app
Promoted
Solange perguntou em Ciências SociaisPsicologia · Há 1 mês

Uma pessoa q tá sempre com medo do que outras pensam dela, isto é sinal de que doença mental?

Eu sou assim, fico sempre querendo que as pessoas tenham boa impressão de mim, fico tentando desmentir as fofocas maldosas... E por mais que eu seja legal com elas, carinhosa, leal, educada, que eu tente agir corretamente, a fofoca não pára, e isto me deixa tensa e tenho muita insegurança.

Qual é a especialidade da psiquiatria que devo procurar para resolver isto?

2 Respostas

Classificação
  • Bruno
    Lv 7
    Há 1 mês

    A doença mental é uma reação natural de pessoas boas ao mal do mundo. A doença mental é o que acontece, naturalmente, como reação à maldade. A verdadeira doença é a maldade dessa sociedade doente. Você deve procurar se preservar de pessoas canalhas. Não ter muito contato com esse tipo de gente e selecionar bem as suas amizades. Mas se é obrigatório para você entrar em contato com muitas pessoas, então precisará de um psiquiatra.

    • Commenter avatarFaça login para comentar as respostas
  • Há 1 mês

    Olá minha cara! Sou analista! E todos os meus pacientes que tratei e que tinham problemas (exatamente iguais aos seus) conseguiram em cem por cento (100%) dos casos vencerem seus medos, dúvidas e inseguranças emocionais utilizando a velha sabedoria milenar socrática do: "Conhece a Ti Mesmo" do filósofo grego Sócrates (que viveu entre os anos de 479 a 399 antes de Cristo). Ele ensinava o seguinte: olhe para os rostos das pessoas e identifique as expressões faciais e corporais de acordo com os assuntos que eles(as) falam para identificar se as expressões são de ironia, ódio, inveja, rancor, indiferença, etc. Verifique também o quê realmente você gosta nessa vida e o que você não gosta. As pessoas que você gosta e as pessoas que você não gosta.

    E o mesmo vale para os assuntos que você gosta e os assuntos que você não gosta (seja política, religião, futebol, etc). Utilize também essa técnica até para selecionar as comidas que você gosta e as que não gosta.

    Utilizando essa ideia para tudo, você criará uma blindagem em torno de você mesma e vai começando a se descobrir (e principalmente a se reconstruir emocionalmente) e passará a conhecer a ti mesma (identificando quem você realmente é com sua beleza, sentimentos e valores nobres).

    A partir do momento que você começar a excluir tudo aquilo que te prejudica (sejam pessoas ou assuntos), você encontrará paz e felicidade. Não se importará mais com o quê os outros dizem de você.

    Nesse sentido, você começará a perguntar para si mesma: "quem pode me ofender?" A resposta para si mesma será: Ninguém!!! Pois eu me conheço!!! Não sou nada daquilo que dizem de mim!!! Não tenho que ficar perdendo meu tempo com gente idiota, babaca de baixo nível que não tem o quê fazer!!!

    Portanto, ninguém pode te ofender mais pois, tu terás atingido sua segurança emocional plena, impedindo que alguém te deixe triste novamente e que percas seu tempo.

    EM OUTRAS PALAVRAS: esculpa-se, faça uma escultura bonita de você própria (como quer ser) e construa-se. Não espere que as pessoas da sociedade (seja lá quem for) te elogie, para só então você se sentir feliz. Faça você mesma feliz!!!

    Entenda que a felicidade está em suas próprias mãos e não nas mãos dos outros!!!

    Alguns dos meus pacientes, antes de utilizarem essa técnica, tinham baixa autoestima (com problemas na família, empresa, escola, etc) e achavam (erradamente) que a felicidade deles estavam nas mãos das outras pessoas e que cabiam somente à elas fazerem-lhos felizes. FATAL ENGANO! Durante seus tratamentos, mostrei-lhes que a felicidade estava nas mãos deles(as) próprios(as).

    Sendo assim, eles fizeram eles próprios felizes.

    Espero ter lhe ajudado!

    Tudo de bom!

    Fonte(s): Sou médico psiquiatra
    • Commenter avatarFaça login para comentar as respostas
Tem mais perguntas? Obtenha suas respostas perguntando agora.