Anônimo
Anônimo perguntou em Governo e PolíticaPolítica · Há 6 dias

Como superar a perda irreparável dos 9 Funkeiros que morreram no baile funk em Paraisópolis?

Esses jovens favelados eram extramamente importantes para o Brasil, jovens educados e responsáveis, que nunca traficaram uma droga, nunca tumultuaram uma rua, nunca tiraram seu sono de noite por causa de som alto, que sempre escutavam músicas cultas que presam pela preservação da família e dos valores morais, jovens lindos que nunca roubaram seu celular, que nunca atiraram em um PM em serviço.

Acho que nunca mais vamos sorrir denovo depois dessa perda trágica no nosso país.

Estaria tudo bem se os policiais tivesse morrido, mas matar funkeiros é inaceitável, é horrendo.

Esse era um dos anjos que deus levou, cuida bem da alma desse jovem lindo e culto, senhor.

Attachment image

16 Respostas

Classificação
  • Há 6 dias
    Melhor resposta

    Funk nem é gente, se tivesse em casa com a família nada disso teria acontecido

    • PabloHá 2 diasDenunciar

      Nisso vc está certo mesmo, funk é um gênero musical, falou o xeroqui homis

  • Há 6 dias

    9 pessoas é uma pena agora a musica funk.....

  • Anônimo
    Há 6 dias

    Só uma lembrança:

    Pessoas como o Trump enxergam a nós, latino-americanos, exatamente como você enxerga esses "favelados", e é por isso que mandam e desmandam na América latina como quem revira uma lata de lixo.

    Havia trabalhadores dentre os mortos.

    Ninguém é melhor que ninguém

    Se algum dia no Brasil houver muitas mortes, O Trump vai dizer de nós mortos o  que você agora diz dos "favelados".

    Pense nisso.

  • Há 6 dias

    A polícia está descendo o sarrafo na ralé.

    No Leblon, Lago Sul, São Caetano ou qualquer outro bairro rico nenhum policial chegaria c/ esse alopro nos playboys cheiradores de pó, são filhos de juízes, políticos, advogados, a charge que foi rasgada no Congresso mostra uma realidade que muitos tentam esconder.

    Já existia a polêmica c/ a morte de crianças c/ balas na cabeça, teve o caso do carro da família que foi metralhado pelo exército, brigadistas sendo presos ilegalmente e tendo a cabeça raspada no Pará, relato de tortura nos presídios, não é preciso ser um gênio pra notar que os ânimos vão se acirrar.

    A conta sempre chega, quando a ralé se revoltar só veremos os ônibus e viaturas queimadas, o que aconteceu em Paraisópolis é o resultado da política fracassada de repressão do Ministro Sérgio Moro, por isso o Bolsonaro sempre foi contra os direitos humanos, queria o caminho livre pra que as agressões ficassem impune.

  • O que você acha das respostas? Você pode entrar para votar em uma resposta.
  • Anônimo
    Há 2 dias

    Funkeiro bom é funkeiro morto.

  • Há 5 dias

    Uma coisa é você não gostar de funk. Outra coisa é você colocar todas as pessoas que moram em comunidade no mesmo saco! Eu já morei em comunidade e nunca usei drogas, nunca fui a baile funk, nunca trafiquei e sou honesto! Há muita gente doente aqui no YR!

  • Há 6 dias

    Pelo que posso ver sobre você, nunca ouviu seus pais lhe falar que existe algo

    chamado amor ao próximo, e se falaram, ensinaram errado, que o próximo são

    os da mesma classe social, ou que nunca erram. Pois bem, meus pais me educaram diferente, sei que dependendo das circunstâncias eu poderia ser um deles, não sou

    simplesmente porque tive mais sorte. E sei me colocar no lugar do outro, sentir pelos que sofrem por não ter nascido num ambiente melhor, por isso se divertem com funk

    e drogas. Quem presta mesmo não são pessoas como você que riem da morte desses miseráveis, quem presta se puder vai ajudar a melhorar a qualidade de vida desses jovens e se não pode, ao menos não fica feliz com a morte desses pobres. 

    Você, os bolsonaros e toda a corja que está aliado a ele são mil e mil vezes piores que os favelados funkeiros.

    • Estava indo bem até você começar a falar do Bolsonaro. Está doente e cheio de ódio igual a alguns deles.

  • Anônimo
    Há 6 dias

    É lamentável o que ocorreu, porém aqui está cheio de pessoas baixas e frias não recomendo falar disso por aqui...

  • Há 2 dias

    Se tivesse em casa, estudando, trabalhando, ou buscando algum caminho espiritual pra seguir, fazendo alguma coisa de util, não teriam morrido a sim.

  • Há 4 dias

    Mas se a instituição "segurança publica"fosse realmente

    Apta.capacitada.respeitada. se seus agentes fossem

    Selecionados de uma maneira a impedir que muitos

    Sociopatas trabalhassem sob manto da justiça e ordem

    muitas atrocidades teriam sido evitadas. Mas como se trata

    do ser humano... há muito tempo ja não consigo me espantar.

  • Anônimo
    Há 5 dias

    9 bozominios neee

Tem mais perguntas? Obtenha suas respostas perguntando agora.