APRENDA A DESMASCARAR A SEITA ESPÍRITA USANDO A BÍBLIA?

10.1.1 Deus "Abrogamos a idéia de um Deus pessoal" (The Physical Phenomena in Spiritualism Revealed). "Deve-se entender que existem tantos deuses quantas são as mentes que necessitam de um deus para adorar; não apenas um, dois, ou três, mas muitos" (The Banner of Light, 03.02.1866). 10.1.2.... mostrar mais 10.1.1 Deus
"Abrogamos a idéia de um Deus pessoal" (The Physical Phenomena in Spiritualism Revealed).
"Deve-se entender que existem tantos deuses quantas são as mentes que necessitam de um deus para adorar; não apenas um, dois, ou três, mas muitos" (The Banner of Light, 03.02.1866).

10.1.2. Cristo
"Qual é o sentido da palavra Cristo! Não é, como se supõe geralmente, o Filho do Criador de todas as coisas? Qualquer ser justo e perfeito é Cristo" (Spiritual Telegraph, nº 37).
"Não obstante, parece que todo o testemunho recebido dos espíritos avançados mostra apenas que Cristo era um médium e um reformador da Judéia, e que agora é um espírito avançado na sexta esfera" (Palavras do Dr. Weisse, citado por Hanson, em Demonology or Spiritualism).
"Cristo foi um homem bom, mas não poderia ter sido divino, exceto no sentido, talvez em que todos somos divinos" (Mensa­gem por um "espírito", citado por Raupert em Spiritist Phenomena and Their Interpretatiorí).

10.1.3. A Expiação
"A doutrina ortodoxa da Expiação é um remanescente dos maiores absurdos dos tempos primitivos, e é imoral desde o âma­go... A razão dessa doutrina é que o homem nasce neste mundo como pecador perdido, arruinado, merecedor do inferno. Que mentira ultrajante!... — Porventura o sangue não ferve de indig­nação ante tal doutrina?" (Médium and Daybreak).

10.1.4. A Queda
"Nunca houve qualquer evidência de uma queda do homem" (A. Conan Doyle).
"Precisamos rejeitar o conceito de criaturas caídas. Pela queda deve-se entender a descida do espírito à matéria" (The True Light).

10.1.6. A Igreja
"Passo a passo avançou a Igreja Cristã, e ao fazê-lo, passo a passo a tocha do espiritismo foi retrocedendo, até que quase não se podia mais perceber uma fagulha brilhante em meio às trevas espessas... Por mais de mil e oitocentos anos a chamada Igreja Cristã se tem imposto entre os mortais e os espíritos, barrando toda oportunidade de progresso e desenvolvimento. Atualmente, ela se ergue como completa barreira ao progresso humano, como já fazia há mil e oitocentos anos" (Mmd and Matter, 08.05.1880).
"Se o Cristianismo sobreviver, o espiritismo deve morrer; e se o espiritismo tiver de sobreviver, o Cristianismo deve desaparecer. São a antítese um do outro..." (Mmd and Matter, junho de 1880).

10.1.7. A Bíblia
"Asseverar que ela [a Bíblia] é um livro santo e divino, e que Deus inspirou os seus escritores para tornar conhecida a vontade divina, é um grosseiro ultraje e um logro para com o público" (Outlines of Spiritualism).
"Gostamos pouco de discutir baseados na Bíblia, porque, além de a conhecermos mal, encontramos nela, misturados com os mais santos e sábios ensinamentos, os mais descabidos e inaceitáveis absurdos" (Carlos lmbassahy, O Espiritismo Analisado).

REFUTAÇÃO
10.2. Refutação Bíblica Das Afirmações Heréticas do espíritismo
A Bíblia Sagrada, a espada do Espírito Santo, lança a doutrina espiritista por terra, e declara em alto e bom som, que:

10.2.1. Deus
a. É um ser pessoal (Jo 17.3; SI 116.1,2; Gn 6.6; Ap 3.19);
b. É um ser único (Dt 6.4; Is 45.5,18; 1 Tm 1.17; Jd 25).

10.2.2. Jesus Cristo
a. Foi superior aos homens (Hb 7.26);
b. É apresentado na Bíblia como profeta, sacerdote e rei, e nunca como médium (At 3.19-24; Hb 7.26,27; Fp 2.9-11).

10.2.3. A Expiação
a. Foi um ato voluntário de Cristo (Tt 2.14);
b. É alcançada como conseqüência da fé (At 10.43);
c. É adquirida pelo sangue de Cristo, segundo a riqueza da sua graça (Ef 1.7).

10.2.4. A Queda
a. Sobreveio como conseqüência da desobediência de Adão (Rm 5.12,15,19);
b. Decorreu da tentação do diabo (Gn 3.1-5; 1 Tm 2.14).

10.2.6. A Igreja
a. Foi fundada por Jesus Cristo (Mt 16.18);
b. Jamais será vencida (Mt 16.18);
c. É guardada pelo Senhor (Ap 3.10).

10.2.7. A Bíblia
a. É a Palavra de Deus (2 Sm 22.31; SI 12.6; Jr 1.12);
b. Foi escrita sob inspiração divina (1 Pe 2.20,21);
c. É absolutamente digna de confiança (SI 111.7);
d. É descrita como pura (Sl 19.8), espiritual (Rm 7.14), santa, justa e boa (Rm 7.12), ilimitada (Sl 119.96), perfeita (Sl 19.7, Rm 12.2), verdadeira (Sl 119.142), não pesada (1 Jo 5.3).
10 respostas 10