Ateus, podem ler esta linha de raciocínio e me responderem?

Não é mais racionalmente lógico crer em Deus/Jesus que acreditar que a ciência irá desvendar um átomo de mistério sobre a vida e o universo frente a pouca longevidade humana?

Pois é, provavelmente esta geração irá morrer antes da cura do câncer, quiçá a humanidade - frente a validade do planeta - terá tempo de descobrir a tal sonhada fórmula da juventude, ou mesmo da imortalidade? - É só um exemplo de sonho humano.

Convém muito mais crer em Deus, dono de todas as verdades e de todos os mistérios, crer em Jesus, ser salvo e ainda herdar a vida eterna prometida por Ele, num reino imensurável que promete ser muito melhor que este, que andar a esmo.

A troco de quê, de repente, não acreditam em Deus?

Podem opinar, falem a vontade, só mantenham o respeito e, se puderem evitar, não respondam com outras perguntas.

Atualizada:

Desculpe Brahma, mas ninguém disse que a vida aqui era ruim, disse que Ele prometeu outra melhor que esta. Mas tenho coragem de afirmar que a vida não é realmente boa, mesmo que o tamanho do seu egoímo não permite mencionar que na África há quem passe fome, sede e sofrimento. A sua vida pode estar aparentemente boa, mas espera uma doença que lhe cause sofrimento, ou uma que cause sofrimento a algum parente que você ame. Vai ter coragem de dizer que a vida é boa não tendo onde morar, construir uma casinha de madeira num morro e ver seus familiares morrerem soterrados numa enchurrada que causou deslisamento de terra? - Não sei se foi impressão minha, mas sua resposta foi muito egoísta. Mas... Cada um é cada um. Talvez o egoísmo (que para Ele é um pecado) seja uma das razões dEle estar testando/escolhendo pessoas que mereçam herdar o céu. Não acha? rsrs

2 atualizadas:

Inugami, "simplesmente mais simples" também não é lá grande coisa. rsrs... O que argumentar quando o mau interprete fala do mal interpretado? - Relaxa amigo, não quis insultar a dignidade da sua mente... rsrs... Você segue escrevendo seu internetês redundante enquanto eu cometo meus erros. Quanto ao resto é insípido.

3 atualizadas:

Janis, é lógico que para vocês, ateus, não é racional crer em Deus. Foram só uma colocações irônicas os termos "racional" e "lógico", mesmo que aparentemente se encaixem na oração como mais apropriadas. E tão absurdamente como você descreve a sua descrença eu posso escrever tal qual a minha crença. Para mim é um absurdo não acreditar em Deus. A Bíblia - tendo em vista que a escrita foi a única forma de manter viva um fato histórico, a vinda de Jesus e o cantato do homem com Deus - também tem sua lógica. Contudo, o fator de importância na religião cristã não está na racionalidade ou na lógica e sim a fé.

4 atualizadas:

Victor Hugo, suas perguntas são infantís. Além do mais, acho que nem convém e nem cabe na nossa cabeça tamanha sabedoria ante os temas divinos. A questão está em ter fé em Jesus, tê-Lo como salvador, obedecer as regras dividas, herdar a salvação e o Seu reino (por assim dizer) e ter acesso a essas respostas. Por conseguinte, uma das razões que podem levar o cristão a ser cristão é justamente ter acesso a esses entendimentos - sem descartar os outros motivos - pois as maiores questões da vida não sabemos e nunca iremos saber se dependermos da matéria. Agora, se depender de Deus é diferente e obviamente acredito que esclarecerá melhor esses temas, tais quais são o inferno, a morte, o demo, anjos, a história da humanidade, as respostas que nunca tivemos, etc. porque são dúvidas existentes em todo mundo! É mais lógico crer em Deus que esperar respostas pela sabedoria humana, mesmo que esta tenha seu valor.

5 atualizadas:

Caro xará (Emanuel), eu não estou impondo nada. Eu só estou questionando vocês. No entato, é preferivel crer em Deus - Aquele que definitivamente me dará todas as respostas - que viver pouco, a esmo, sem saber de "nada" e quiçá castigado no fim das contas. A fé não exige provas. Thomas acreditou na luz artificial e fez por onde. Tal qual o tempo intermediário existiu entre a fé e a realização, existe frente a chegada Dele para quem acredita, mas é cada qual a sua forma. Quanto ao resto não cabe suposições se sabe-se que as coisas são como Deus quer. Mesmo que releve o fato de ter nascido em outro lugar, a Bíblia com certeza chegaria em minhas mãos de uma forma ou de outra se Ele quisesse me ver salvo.

6 atualizadas:

Inugami, sinto dizer mas persistiu no erro, foi redundante novamente, mas cada um faz uso da língua da forma em que melhor se expressa, desde que se faça entender. Como vejo que tem dificuldade de entender - não só porque leu a Bíblia três vezes e tornou-se ateu - ressalto claramente que não cabe neste tema opinar a forma em que cada um escreve, mas ao que se diz respeito. Quanto ao resto me soou infantil, insípido novamente e hipócrita. Alías, bem pouco sobre ao que você se refere como "piada", até porque não lembro ter mencionado em qual real posição me encontro. Ainda que tenha recebido de bom grado o seu "tudo de bom" irônico, permití-me apontar com delicadeza a suas falhas, dando a você uma análise de autoconhecimento, reduzindo a átomo a sua arrogância - "um homem como eu" (rsrs) - e enfatizo: descarto qualquer agradecimento seu pelo meu delicado favor e encerro todo assunto aqui. Se ainda não entendeu o que quis dizer... Peça ajuda.

7 atualizadas:

Galaxy, de acordo com meus ideiais linguísticos não cabe a ninguém criticar formas de expressões, pois se restringirmos a língua às regras (sem variantes) atrofiaríamos a língua. Se as línguas dependessem de crítica, permaneceríamos falando Indo-Europeu até hoje. Graças a diferentes contruções de frases aproveitamos uma gama de formas expressivas que não convém a ninguém julgar. A língua é e sempre será um organismo vivo. Agora, Não creia que suas ideias se encaixam perfeitamente, mas é inteligível... E é só isso que importa. - Quanto ao resto do argumento soou muito taxativo e egoísta porque nada é definitivo como você diz, essas ideias não condizem plenamente com a realidade. Quer dizer que uma "pessoa lógica" não pode ser capaz de inventar nada, afinal qualquer invenção é proveniente de uma crença, ninguém vê a criação antes de efetivá-la. Vai me dizer que a lógica não cria expectativas em nada? Convenhamos, né? Além do mais, restringir-se a lógica é utopia de vida, sabemo

8 atualizadas:

(...)sabemos que não há lógica quase nada, pois nada é definitivo. Quanto ao resto, vamos ampliar mais o mundo ao redor e vai entender que a realidade em que você vive não é equivalente a maioria do planeta. Muitos argumentos soaram assim: "Todos os ateus são egoístas"... Não dá pra ser assim. Mas curti sua sinceridade ao querer ser livre.

12 Respostas

Classificação
  • Danilo
    Lv 5
    Há 8 anos
    Resposta favorita

    Porque a palavra da cruz é loucura para os que perecem; mas para nós, que somos salvos, é o poder de Deus.

    Porque está escrito: Destruirei a sabedoria dos sábios, E aniquilarei a inteligência dos inteligentes.

    Onde está o sábio? Onde está o escriba? Onde está o inquiridor deste século? Porventura não tornou Deus louca a sabedoria deste mundo?

    Visto como na sabedoria de Deus o mundo não conheceu a Deus pela sua sabedoria, aprouve a Deus salvar os crentes pela loucura da pregação.

    1 Coríntios 1:18-21

  • Anônimo
    Há 8 anos

    Com certeza, seria muito mais simples e fácil acreditar em Deus e nas palavras da Bíblia, porém nem tudo o que é simples é correto. Seria muito mais simples, na época em que não havia cura para a AIDS, deixarmos de lado e deixar todos os que tinham AIDS morrerem ao invés de procurar uma cura. Mas, como eu disse, nem tudo o que é mais fácil é correto.

    Certas coisas precisam ser contestadas e a existência de Deus é uma das mais importantes a serem contestadas porque se trata de tudo o que você faz na sua vida.

    Eu não aceito a existência de Deus porque eu acho que ele não existe, e não é fácil para muitos conviver com esse pensamento. Mas, para quem não acredita, é melhor do que fingir que acredita.

  • Anônimo
    Há 8 anos

    Não é mais racionalmente lógico crer em Deus/Jesus que acreditar que a ciência irá desvendar um átomo de mistério sobre a vida e o universo frente a pouca longevidade humana?

    As palavras "lógico" e "crer" não devem, em hipótese alguma ser usadas na mesma oração. A "crença" implica em aceitar algo como verdade sem absolutamente nenhuma evidência, o que é absolutamente contra os princípios da lógica. Eu não acredito cegamente que eles irão descobrir, eu SEI que estão tentando e posso a qualquer momento, acompanhar as últimas descobertas logo, não é uma questão de crença.

    Pois é, provavelmente esta geração irá morrer antes da cura do câncer, quiçá a humanidade - frente a validade do planeta - terá tempo de descobrir a tal sonhada fórmula da juventude, ou mesmo da imortalidade? - É só um exemplo de sonho humano.

    Não conheço nenhuma pessoa racional que ainda esteja buscando "fórmulas da imortalidade" e, quanto à juventude, já há diversos medicamentos e processos cirúrgicos que, aliados a um bom estilo de vida, retardam bastante o envelhecimento (pense que, na pré-história, a expectativa de vida era pouco mais de 30 anos, e agora já estamos em 80, de certa forma, podemos dizer que estamos quase 3 vezes mais jovens).

    Convém muito mais crer em Deus, dono de todas as verdades e de todos os mistérios, crer em Jesus, ser salvo e ainda herdar a vida eterna prometida por Ele, num reino imensurável que promete ser muito melhor que este, que andar a esmo.

    Agora a questão é "coveniência"? "Conveniente", pra mim é: Estou sem dinheiro então vou acreditar que existe um pote de ouro no fim do arco-iris de forma que, se eu o achar, terei o dinheiro que preciso. Da mesma forma, acreditar em uma vida após a morte é apenas uma forma de se dizer que se está insatisfeito com essa vida.

    E, se é pra falar em acreditar em deuses por conveniência, saiba que eu tenho propostas melhores que ficar andando em um mundo bucólico louvando ao seu deus. Tenho a Valhaha, onde durante o dia, eu batalharia sem poder morrer (um game de guerra medieval de verdade) e à noite haveriam orgias e bebida alcoólica até a manhã. Tenho também a possibilidade de me tornar parte da força e, posteriormente, tornar-me parte dos seres vivos novamente (um jeito mais interessante de vicer eternamente), as virgens de Allah, entre dezenas de outras.

    A troco de quê, de repente, não acreditam em Deus?

    Se eu entendi direito a pergunta, você está perguntando o que se ganha não acreditando no seu deus.

    Posso resumir em uma palavra: Liberdade

    Por não acreditar em deuses, posso pensar no que eu quiser sem ter de me preocupar com alguém ouvindo os meus pensamentos ou estar ofendendo algum deus.

    Tenho respostas para os outros argumentos também. Se lhe interessar, elas estão nesse arquivo:

    http://www.4shared.com/office/zpmZhgX4/Resposta.ht...

    Não deu pra colocá-las aqui porque a resposta ficou muito grande.

  • Anônimo
    Há 8 anos

    e quem quer viver eternamente?eu não .

  • O que você acha das respostas? Você pode entrar para votar em uma resposta.
  • Janis
    Lv 7
    Há 8 anos

    E seria racional acreditar em bíblia? Acreditar que Jesus existiu e que ele era o filho de deus? Isso é ser racional? Desculpe, mas é absurdo pensar que a Bíblia em si é verdadeira. É ridículo acreditar que um livro escrito por vários homens seja a palavra de deus. Viver acreditando num livro como a bíblia é viver de ilusão. Comparo a religião cristã com as drogas, pois os efeitos são os mesmos.

  • Há 8 anos

    Racionalmente lógico? Convém muito mais?

    Não use racional e conveniênte na mesma colocação... isso é um insulto a dignidade da mente humana...

    Não se trata do q eu quero acreditar, não se trata do q é mais confortável acreditar... se trata da verdade...

    E a verdade é q não há nada de racional na Bíblia e nos contos de Jesus fazendo seus feitiços e um deus q cria vida a partir do barro e mulheres a partir de costelas. Eu já fui cristão, já tentei acreditar em Deus e a conclusão a q eu cheguei é q não há como eu engolir toda essa besteira a que chamam religião. Se eu quisesse acreditar em felicidade eterna no reino dos anjos e das fadinhas mágicas eu acreditaria em Allhá q me daria várias virgens ou em Odin q me daria uma vida de honra e aventuras...

    Veja bem oq vc está falando... nem vc acredita nisso...

    Eu não vou lhe impedir de acreditar no q lhe parece melhor ou mais bonito ou simplesmente mais simples... mas não seja leviano de chamar isso de racional...

    Mal interpretado? Ahh, vejo q temos um hermenêuta...

    Mas não cabe a mim dizer oq é grande coisa, menos ainda tentar argumentar sobre as redundâncias linguísticas da língua portuguesa (Percebeu o "linguísticas da língua"? Já pode dormir feliz e tranquilo depois dessa... rss... né amigo?)

    Então me diga... oq o seu internetêz superior tem a dizer sobre, por exemplo...

    "E, no dia seguinte, quando saíram de Betânia, teve fome.

    E, vendo de longe uma figueira que tinha folhas, foi ver se nela acharia alguma coisa; e, chegando a ela, não achou senão folhas, porque não era tempo de figos.

    E Jesus, falando, disse à figueira: Nunca mais coma alguém fruto de ti. E os seus discípulos ouviram isto."

    "E eles, passando pela manhã, viram que a figueira se tinha secado desde as raízes.

    E Pedro, lembrando-se, disse-lhe: Mestre, eis que a figueira, que tu amaldiçoaste, se secou. "

    Sabe... um homem como eu q foi cristão por 12 anos e leu a Bíblia 3 vezes não precisa "achar erros" ou redundâncias no discurso de outros interlocutores... pq não importa o quão redundante vc seja... a sua crença na Bíblia continuará sendo uma piada...

    Hihihi... tudo de bom pra vc...

  • Anônimo
    Há 8 anos

    Interessante, Deus vai dar uma vida boa, mas antes a gente tem que passar por uma vida ruim? Prefiro continuar achando que essa vida boa (eterna) só está na vontade de quem não está contente com essa vida aqui! Mas, te respeito, se você acha que tem um ser que quer te dar uma vida ruim aqui só pra depois te dar uma vida boa...kkkkk! Não seria mais fácil ele já te fazer nascer de uma vez nessa tal vida eterna?

    Fonte(s): Infelizmente respondi com perguntas!
  • ?
    Lv 4
    Há 8 anos

    É difícil responder a uma pergunta dessa sem fazer outras perguntas, mas vou tentar. Veja bem, a pouca longevidade humana nada tem a ver com a racionalidade e lógica, que você tenta impor ao ato insano de crer em um Deus/Jesus imaginário. Por outro lado, se a Ciência vai, ou não, conseguir responder a todas as perguntas, é irrelevante. Seria como uma conquista amorosa. Não se pode desistir, sem tentar, pensando no pior. Pelo mesmo motivo, ninguém pararia de respirar, agora, se soubesse que iria morrer no próximo ano.

    Dizer que Deus é o dono de todas as verdades e de todos os mistérios, não passa de uma falácia, pois isso é apenas o que alguns homem acharam que Ele fosse e que você aceitou como verdade, sem contestar ou exigir provas. Se a Ciência não é capaz de comprovar que para uma pessoa ser “salva” (seja lá o que isso possa ser) precisa crer em Jesus, então o homem não poderia, ainda, ter chegado a essa conclusão. Ou seja, a afirmação é carente de prova e de fonte confiável. Da mesma forma, “herdar a vida eterna prometida por Ele, num reino imensurável” é apenas mais uma falácia do injustificado achismo do desejo humano. Se assim não fosse, alguém seria capaz de dizer, com exatidão, onde ficam o céu e o inferno, ou que há vida após a morte. Prove-me essas coisas, ou pare de afirmar insanidades.

    Por fim, passei a não acreditar em Deus em troca de minha felicidade, liberdade, vida... Parei de acreditar da mesma forma que as pessoas pararam de acreditar em Zeus, em Thor e em outros milhares de deuses que possuíam o mesmo status do seu mitológico Deus. Aliás, você só acredita nesse deus porque nasceu na Brasil. Se tivesse nascido em outro país, ou em outra época, estaria adorando Alá, Mitra, Xiva, Anúbis, Hórus, ou outro deus qualquer.

  • Anônimo
    Há 8 anos

    Não sou propriamente ateu, mas vou responder.

    Primeiro, não acho que crer ou não em Deus possa ser discutido com base no que mais convém (ou na lógica): se crê ou descrê por fé, fé que, tal qual o amor, não é regida pelas leis da conveniência, sendo antes espontânea e baseada nas suas experiências. De forma que falar em crer em Deus por este lhes dar as respostas e possibilidades que a ciência não dá não é crença! Assim sendo, se poderia simplesmente acreditar, sei lá, no budismo ou judaísmo por que sua crença e livros sagrados prometem melhores coisas.

    Segundo, ainda que a resposta esteja na primeira: não creio em Deus por este sentimento, este chamado, nunca ter brotado em mim. Ainda pequeno, pedia a minha tia (e a minha bisavó, coitada) a me dizer porque ela acreditava n'Ele.

    Terceiro, não em resposta às suas perguntas, mas somente em divagar sobre o tema: (não uso as ideias a seguir como argumentos contra a sua ou outra religião e não baseio meu 'ateísmo' nelas, são somente algumas interessâncias) bem na linha de Brahma, pergunto: sendo Deus onisciente e onipotente, como não viu no início dos tempos, que suas ações resultariam na origem do inferno? Porque Deus, a bondosa e perfeita consciência cósmica, nos pôs num mundo inferior, com pecados e sofrimento, para que pudéssemos provar a ele a nossa mais-valia e crença e só então desfrutar de um paraíso, sendo que nem todos no mundo tem contato com a religião d'Ele nalgum momento da vida (Dante, na Divina Comédia, fala num castelo - no inferno - onde estão todos os virtuosos nascidos antes da vinda de Jesus à terra - esse absurdo seria possível no reino da bondade?), que todos nascemos dele e poderíamos ter nascido perfeitos e que o inferno é dado aos não-virtuosos sem possibilidade alguma de perdão?

  • Anônimo
    Há 8 anos

    Digo apenas q o ser humano é curioso. poucas pessoas antigamente eram sabias e muitas acreditavam em tudo o que ouviam, deus no começo foi criado apenas para responder o que as pessoas não entendiam e temiam como a chuva e o trovão. e as pessoas temiam a morte e nisso foi criada a crença da vida em um paraíso eu apenas acho q a morte é a morte eu não temo a morte sou ateu e acho que a morte é o fim pois eu digo viva feliz não faça bobagens pois essa é a sua unica vida

    aproveite o maximo que voce puder . e como o ser humano é curioso um dia vai acabar destruindo a si mesmo.

  • Anônimo
    Há 8 anos

    Eu não acredito em deus , pq acho que as coisas boas ou ruins que acontecem na minha vida e na vida de todos são consequências dos nossos atos, não acho que existe pecado, pois oq para mim e errado para outra pessoa pode ser certo,acho que cada pessoa e seu próprio deus , podendo assim decidir oq e bom para si, oq quer e oq não quer para si. Acho que a ciência e o futuro, muitas pessoas so vivem por causa da ciência, muitas pessoas só vivem pq tomam remédios, muitas doenças que antigamente matava milhares de pessoas, hoje em dia estão quase extintas ou podem ser curadas, como vc mesmo falou tem tantas doenças que ainda não tem cura, certo, mais tudo demora para acontecer, na minha opinião pessoas que realmente acreditam em deus nao poderiam se beneficiar da ciência , pq criticar e bom , mais quando ta morrendo e e curado pela tecnologia e pela ciência não sabe reconhecer apenas diz que foi milagre de deus, mais não foi milagre, foi anos de estudo para tentar melhorar esse mundo.

Tem mais perguntas? Obtenha suas respostas perguntando agora.