Você gosta de poesia?

Avalie a minha: Amor - ou um devaneio sobre você em mim. Os devaneios apaixonados de um ser só podem ser medidos pelo tamanho de seu sofrimento pois não existe amor que esteja livre da dor embora exista dor que não seja amenizada pelo amor. Chorar por amor é facil e simples e a cada instante, uma nova... mostrar mais Avalie a minha:

Amor - ou um devaneio sobre você em mim.

Os devaneios apaixonados de um ser
só podem ser medidos pelo tamanho de seu sofrimento
pois não existe amor que esteja livre da dor
embora exista dor que não seja amenizada pelo amor.

Chorar por amor é facil e simples
e a cada instante, uma nova lagrima insiste em rolar
pois sempre escolhemos amar de forma errada
e amamos a quem realmente não merece nosso pesar.

Por que simplesmente não amar
quando, na verdade, nos jogamos em um mar de ilusões?
Seria simples e terrivelmente facil
escolher não sentir amor e viver apenas por viver.

Mas amar nos deixa fortes e mesmo a dor nos faz crescer
amar não é só o fascinio fisico e mental
é ingrata entrega de tudo o que é mais intimo
para alguem que talvez jogue tudo ao vento.

Amor, estranho amor
Por que insiste em me faz vitima de suas tramas infinitas?
por que não permite que eu vá, vivendo minha simples vida em paz?
Amor, tolo e simples amor
se deseja acabar comigo, por que não me mata?
Seria tudo tão belo.

E pensar que, mesmo sofrendo,
insisto neste sádico exercicio de amar
pois a cada segundo que penso em você
eu encontro um motivo para me levantar.

Me perdoe, amor,
pois não vou mais ser teu
e nesta alforria forçada
em minha fuga desesperada
eu vou tentar te deixar para trás

Não chame por mim, meu anjo
por que para onde vou, as vozes são feitas de silencio
os beijos são feitos de vento
e o calor é feito de sol a queimar.

E se um dia voce se der conta
de que eu fui mais do que um amigo distante
que eu sempre dei meu melhor para que voce tivesse vida
e que eu sempre dei minha vida para que voce tivesse o melhor
será muito tarde, porque terei cansado de me entregar a voce.

Desculpe, amor
eu não quero te levar junto a mim
faz tempo que eu deixei de ser teu
para ser apenas um “nosso” distante

Amor, meu amor
será que minhas palavras um dia farão sentido?
Ou serão apenas isso, palavras, jogadas ao vento
perdidas num mar de desilusão e desencontro.

Meu anjo, me esqueça
e enquanto me esquece, não se esqueça de lembrar
que no meu peito viverá para sempre
mas que a cada dia, farei questão de te matar um pouco mais.


Agradeço todas as opiniões :D

Caso aprecie o texto : http://finitofini.tumblr.com (meu humilde refúgio).
Atualizar: Caso seja escritor, músico ou fotógrafo (ou qualquer outra arte) e quiser fazer uma parceria, entre em contato: diih_garcia@hotmail.com :D
Atualização 2: Poesia de minha autoria. Mas sinta-se livre para usa-la, desde que com os devidos créditos :D
4 respostas 4