O Yahoo Respostas será encerrado em 4 de maio de 2021 (horário do leste) e, a partir de 20 de abril de 2021 (horário do leste), estará disponível somente para leitura. Não haverá alterações em outras propriedades ou serviços ou em sua conta do Yahoo. Você pode encontrar mais informações sobre o encerramento do Yahoo Respostas e como fazer para baixar seus dados nesta página de ajuda .

Quem foi o responsavel pelo vazamento do golfo do mexico,houve a poluição de qual oceano?

e já foi resolvido o problema?

5 Respostas

Classificação
  • Há 1 década
    Resposta favorita

    Ainda não foi resolvido!!

    Às 22h do dia 20 de abril houve uma explosão no Golfo do México. Onze funcionários da empresa British Petroleum ficaram desaparecidos no acidente. Desde então, formou-se uma corrida contra aquele que pode ser tornar em breve o maior derramamento de óleo já ocorrido nos Estados Unidos, e um dos maiores da história – somando todas as manchas, a área é comparável ao tamanho de um país como Porto Rico.O vazamento de petróleo no Golfo do México é o pior desastre ambiental da história dos Estados Unidos, segundo a principal assessora para Energia da Casa Branca, Carol Browner.

    Browner disse também que os americanos estão preparados para "a pior situação", ou seja, que o óleo continue a vazar até agosto.

    A empresa petrolífera BP, responsável pela plataforma Deepwater Horizon que explodiu em 20 de abril, matando 11 pessoas e iniciando o desastre, afirmou que vai utilizar uma nova estratégia para tentar conter o vazamento.

    O representante da BP Doug Suttles destacou, no entanto, que não há garantias de que o esquema vai funcionar e, mesmo que funcione, será capaz de controlar a maioria do vazamento, não interrompê-lo totalmente.

    Pelo menos 75 milhões de litros de óleo já vazaram no Golfo do México, atingindo mais de 110 quilômetros do litoral do estado americano da Louisiana.

    "Mais petróleo está vazando no Golfo do México agora do que em qualquer outra época da nossa história. Isso significa que é mais óleo do que o Exxon Valdez (navio que vazou na costa do Alasca em 1989)", afirmou Browner, em entrevista à rede de TV americana NBC.

    Solução definitiva

    Ela disse ainda esperar que o plano mais recente da BP funcione, mas admitiu que ele seria apenas uma medida temporária e que a única solução definitiva pode vir a ser a perfuração de um poço secundário, que já está em andamento, mas ainda levará pelo menos dois meses até ser completada.

    Browner disse que a BP foi orientada a não perfurar um outro poço de apoio, caso o que está sendo feito não funcione.

    A nova solução apresentada pela BP deve ser posta em prática nos próximos quatro dias. Ela prevê a utilização de submarinos-robô para entrar na tubulação danificada e cortá-la de forma que um novo tubo possa ser encaixado.

    No entanto, a BP salientou que isso nunca foi feito a uma profundidade de mais de 1,5 quilômetros e que "a aplicação bem-sucedida do sistema de contenção não pode ser garantida".

    O sistema proposto pela petroleira é parecido com a solução de um cone gigante, abandonada há semanas após tentativas fracassadas.

    Em outra entrevista na televisão, o diretor-administrativo da BP, Robert Dudley, afirmou que a empresa está aprendendo com as suas tentativas fracassadas e continuará a tentar resolver o problema.

    'Hora de passar à próxima opção'

    Ele disse que até o fim da semana, a empresa vai saber se o novo plano deu certo. Pouco antes, Suttles admitira que a operação anterior, de "entupir" o poço com lama e sucata não deu resultados.

    "Não fomos capazes de superar o fluxo do poço, então agora acreditamos ser a hora de passar à próxima das nossas opções", disse.

    Ele acrescentou não "saber ao certo" porque a ideia anterior falhou.

    A companhia disse já ter aplicado mais de US$ 940 milhões (cerca de R$ 1,7 bilhão) até agora com suas tentativas de conter o vazamento.

    Na sexta-feira, o presidente americano visitou a região pela segunda vez desde o início do vazamento, e disse que o governo fará "o que for necessário" para ajudar as pessoas afetadas pelo vazamento.

    "É enfurecedor e triste, e nós não vamos descansar enquanto este vazamento for contido, enquanto as águas e costa estiverem limpas, e enquanto as pessoas injustamente punidas por este desastre causado pelo homem forem reparadas", afirmou Obama.

    Ele prometeu ainda triplicar o número de pessoas que trabalham nas operações de limpeza do vazamento no Golfo do México, atualmente em mais de 20 mil civis e 1,4 mil membros da Guarda Nacional.

    Obama disse que assumirá a responsabilidade por "resolver a crise", mas afirmou que a BP pagará os custos do "enorme dano". BBC Brasil - Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização por escrito da BBC.

    Fonte(s): Várias
  • Há 1 década

    O RESPONSAVEL FOI UMA EMPRESA INGLESA,EOCEANO E O ATLANTICO

  • Há 1 década

    Não é novidade para o mundo que os oceanos já sofrem com a poluição e elevações de temperatura por conta do desequilíbrio ambiental.

    vazamentoMas hoje o que está por vir, é muito maior do que qualquer pessoa possa conceber como aceitável.

    A British Petroleum, empresa responsável pelo petróleo derramado no golfo do México não possui nenhuma tecnologia para deter os estimados 80 à 100 mil barris de petróleo por dia no oceano.

    Como mentes tão brilhantes pode explorar nossos recursos naturais sem se quer saber como controlar seus próprios artefatos engenhosos? Como não possuem uma tecnologia capaz de impedir ou controlar possíveis acidentes com conseqüências inimagináveis para a vida marinha e humana?

    Cientistas afirmam! Se o vazamento de petróleo não for controlado, em 18 meses todo o oceano estará contaminado...

    greenpeace-logo.jpgE agora Greenpeace? A preocupação do Greenpeace é com algumas espécies serem extintas, espécies como, Atum azul do atlântico norte, em risco de eminente extinção. Temem também pelos tubarões,tartarugas e até mesmo baleias. Agora a preocupação real é pelos golfinhos que devem ter dificuldades extremas para respirar e se manterem vivos.

    O que o Greenpeace ainda não percebeu é que os danos provocados por esse vazamento de petróleo pode acabar não só com algumas espécies, mas sim com toda a vida marinha dos oceanos.

    Cientistas norte americanos já afirmam que se o vazamento não for detido, as conseqüências podem se tornar devastadoras provocando uma reação em cadeia sem precedentes.

    A Flórida por exemplo, sua situação é muito pior do que a mídia comenta,aliás quase nem se fala mais no pior desastre ambiental do planeta.

    O assunto em pauta agora é a copa do mundo,todos pelo futebol,mas nosso oceano está morrendo lentamente e a população da costa americana está correndo sérios riscos de morte. Sem falar das espécies que agonizam lentamente.

    A que ponto chegou a humanidade!

    vazamento.jpgFoi estimado por peritos , que a pressão atual que o petróleo jorra nas águas do Golfo é de aproximadamente,20.000 a 70.000 PSI ( Libras por Polegada ).

    Nem a BF, e nem os governos das principais potencias do mundo teriam tecnologia para deter tal força com tanta profundidade.

    Já se fala em uma evacuação em massa na Flórida, já que o petróleo contém substâncias tóxicas que contaminam tudo ao redor.

    O lamentável é que não poderemos fazer nada quanto a isso, pois se o problema continuar em 18 meses todo o oceano pode estar contaminado.

    Não se sabe ao certo se os governantes estão adotando as medidas de emergência com um super plano de evacuação de maneira sigilosa, pois pelo que tudo indica, isso pode ser uma questão de alguns meses para que ocorra.

    UM RESUMO DAS EXPECTATIVAS

    http://info.abril.com.br/aberto/infonews/fotos/vaz... algum momento o buraco da perfuração ficará muito grande, aumentando seu tamanho abaixo da cabeça do poço, deixando a área muito fraca onde o poço está. A intensa pressão,então empurrará a cabeça do poço fora, permitindo um fluxo sem restrição de petróleo e etc...

    O buraco continuará a aumentar de tamanho permitindo mais e mais petróleo fluir para o Golfo. Depois de muitos bilhões de barris de petróleo já terem sido derramados, a pressão da cavidade enorme a 8 km abaixo do solo do oceano começará a normalizar.

    Isso então permitirá que a água, sob forte pressão a 1,6 km de profundidade, seja forçada para dentro da cavidade onde o petróleo estava. A temperatura a essa profundidade está perto de 200 graus centígrados, possivelmente mais.

    A água evaporará, criando uma enorme quantidade de força , levantando o solo do Golfo. É difícil saber quanto de água entrará na crosta, também não é possível calcular o quanto o solo levantará.

    poluicao.jpgAs ondas do tsunami criado serão alguma coisa em torno 6 a 24 de altura, possivelmente maiores. Então o solo cairá dentro da cavidade vazia. É assim que a natureza fechará o buraco.

    Dependendo da altura do tsunami, o cascalho do oceano, petróleo e estruturas existentes serão arrastadas pelas praias entrando terra a dentro, deixando uma área de 80,5 a 322 km desprovida de vida. Mesmo que os escombros sejam retirados, a contaminação do solo e da água impossibilitará a re-população por um período desconhecido de anos. (final da informação liberada pelos cientistas).

  • Há 1 década

    BP: British petroleum, empresa inglesa de extração de petróleo.

    O OCEANO afetado foi o atlântico.

    O MAR afetado foi o mar/golfo do méxico

    O problema ainda nao foi resolvido, somente controlado.

  • O que você acha das respostas? Você pode entrar para votar em uma resposta.
  • Há 1 década

    foi o lula

    e poluiu o tietê!

Tem mais perguntas? Obtenha suas respostas perguntando agora.