MUITO IMPORTANTE!! ISSO PODE MUDAR MINHA VIDA... (Só pra quem ja se assumiu)?

Ontem aconteceu algo muito sério em minha casa...

O clima la esta péssimo...

Meus pais são seperados, meu irmão eh homofóbico, tenho mais duas irmãs q eu ja são casadas...

Não sou assumido, porem estou pensando, precisando fazer isso logo, ou ocultar pra sempre...

estou com uma chance unica mais estou com um certo...

Naum vou citar detalhes do que esta acontecendo, pq acho q isso não vem ao caso...

Só preciso que vocês me respondam com sinceridade essas perguntas:

1 - Pq voces decidiram se assumir?

2 - Quando anos voces tinham?

3 - como foi no dia que vcs se assumiram?

4 - Como foi a reação da mãe de voces?

5 - E do pai de vocês?

6 - E Seus irmãos (as) como agiram?

7 - isso melhorou na suas vidas?

8 - O que piorou ??

9 - Como eh a convivencia de vc com sua familia hj em dia?

10 - A quanto tempo vc ja eh assumido (a) ?

11 - Outras pessoas (de sua familia, ou amigos) Tbm sabem de vc?

12 - Como essas pessoas reagiram?

13 - Quem apoiou e quem se afastou de voces??

Respondam com verdade e sinceridade...

É muito importante pra mim...

Por favor...

Desde ja, obrigado a TODOS...

Vlw msm por poder contar com vcs...

Abraço...

Atualizada:

OBRIGADOOOOOOOOO..

Estou muito feliz com as respostas que resolvi me abrir e contar o que estas acontecendo...

Assim, eu tinha um blog gay onde eu estava contanto todas as minhas experiencias no mundo, desde minha primeira vez ateh a atualidade...

Meu pai,(com quem eu não tenho contato algum ,nunca nos demos bem e não nos falamos) junto com meu irmão( que tbm naum fala comigo) e a atual mulher do pai(que nunca me viu ou se quer ja falou comigo) decidiram nesse domingo jogar meu nome e sobrenome no google, e oq eles acharam? Meu blog..

Leram tudo e descobriram que sou gay..

Naum contentes com isso, eles ligaram pra mim e contaram tudo, ela naum acreditou...

Porem ontem quando minha minha chegou do serviço (eu naum estava em casa) meu irmão entregou pra ela um envelope onde estava escrito: "Jhow, muito interessante o seu blog, parabens"

Minha mãe naum teve coragem de abrir e ler, ela esperou eu chegar e medeu o envelope, com medo eu neguei tudo e ela acreditou em mim...

Continua...

2 atualizadas:

O que me deixou louco foi saber que pro meu pai, meu irmão e a mulher dele, pouco importa se sou gay, hetero, bi ou qualquer outra coisa...

Eles soh fizeram iso pra provocar minha mãe...

Aí, eles ficaram falando: Que decpção, estamos muitos tristes, naum queremos gays na familia, etc...

Hj anoite meu irmão e meu pai vão la em csa conversar comigo a sos...

Meu pai disse q vai amarrar um amulher pelada em mim pra mim virar homem, e meu irmão disse q eles vão me "estourar"

Por outro lado, minha irmãs quando soube disseram:"Mãe, o jonatas não eh gay, mais se ele for oq isso tem de mal? Antes gay doq Pedophilo, bandido, drogado, assanino..."

Com essas afirmações estou querendo me assumir pra minhas irmãs hj, para assim poder contar com elas, quando eu me assumir para a minha mãe, oq sera logo,logo...

Tenho 21 anos, naum dependo de ninguem tenho meu namorado e posso muito bem me virar sozinho...

Td isso dexei claro pra eles( menos do meu namorado)

Por isso da pergunta...

13 Respostas

Classificação
  • Anônimo
    Há 1 década
    Melhor resposta

    Olá meu querido Lord Jhow!

    Antes que você se assuma considero MUITO IMPORTANTE que você leia essas IMPORTANTES DICAS para quem deseja fazer isso. Sobre o item 3 da lista, como na maioria das vezes o preconceito é baseado em interpretações errôneas da bíblia dizendo que ela condena a homossexualidade, então é bom que você não deixe de ler esse livro muito esclarecedor intitulado “O que a Bíblia realmente diz sobre a homossexualidade” de Daniel A. Helminiak. O autor, padre católico com doutorado em teologia, cita fielmente todos os trechos em que há menção de homossexualidade e analisa seu significado de acordo com os mais recentes estudos históricos, apontando o engano de quem vê condenação de homossexuais na Bíblia.

    Leia o livro nesse link.

    http://books.google.com/books?id=XhkMPUeA5b0C&pg=P...

    Grande abraço!

    *Antes de se Assumir Homossexual

    1. VOCÊ ESTÁ BEM SEGURO QUE É HOMOSSEXUAL?

    Se você ainda está confuso, se tem dúvidas se é mesmo gay ou lésbica, é melhor dar mais um tempo pois a confusão de sua cabeça pode provocar confusão ainda maior na cabeça das outras pessoas, sobretudo em sua família. Nunca assuma sua homossexualidade como forma de agressão ou vingança, num momento de raiva. Uma decisão tão importante tem de ser bem planejada.

    2. COMO SE ASSUMIR?

    Primeiro faça amizade como algum gay ou lésbica já assumidos. Troque idéias com outros homossexuais como eles vivem, como se assumiram, das vantagens de deixar de ser enrustido. Freqüente um pouco o ambiente homo para ver com qual dos diversos modelos de vivência gay e lésbica você se identifica mais. Procure fazer boas amizades, pois diz o ditado popular: "diz-me com quem andas, que direi quem és..." Não faça nada de que vá se arrepender mais tarde." Para mim, a homossexualidade foi uma bênção", dizia o escritor Jean Genet. Depende de você fazer de seu futuro enquanto homossexual uma bênção ou uma desgraça.

    3. VOCÊ SE SENTE SATISFEITO COM SEU HOMOEROTISMO?

    Se ainda tem sentimentos de culpa, se acha que está errado, que tua forma de amar é pecado e se tem períodos de depressão, é melhor resolver primeiro estes problemas, assumir-se mais em outros ambientes antes de abrir o jogo com a família. Para enfrentar esta barra, você precisa estar muito seguro e ter uma auto-imagem bem positiva de sua própria homossexualidade. Auto estima é indispensável para ser feliz.

    4. VOCÊ CONTA COM O APOIO DE ALGUÉM?

    É fundamental que você conte com a compreensão de algum parente ou amigo próximo da família, que possa acalmar seus pais se a reação deles for devastadora. Esta pessoa é também importante para dar-lhe apoio emocional para enfrentar essa nova situação de vida. Discutam todos os detalhes, as reações previsíveis de ambas as partes, e se achar prudente, esteja com esta pessoa amiga por perto no momento da revelação.

    5. VOCÊ TEM BONS ARGUMENTOS SOBRE A HOMOSSEXUALIDADE?

    Isto é muito importante, pois a maioria das pessoas, inclusive nossos parentes, têm medo ou ódio dos homossexuais (assim como têm preconceito racial) porque nunca souberam a verdade sobre esses temas. Você deve ter as respostas certas para substituir a ignorância do preconceito pela verdade dos fatos. Peça ao Grupo Gay da Bahia os folhetos: "10 Verdades sobre a Homossexualidade" e "O que todo Cristão deve saber sobre Homossexualidade" , onde encontrará respostas para as principais dúvidas/críticas sobre sua nova vida.

    6. QUAL O MELHOR MOMENTO DE REVELAR QUE É HOMOSSEXUAL?

    Se você avalia que sua família poderá ficar muito abalada ou que talvez não aceitarão sua **orientação sexual homossexual, infelizmente, é melhor continuar "fingindo que não é, e eles fingindo que não sabem". Se você acha que eles primeiro vão condenar, depois vão aceitar, escolha então uma ocasião em que a família estiver tranqüila, sem doenças graves ou mortes próximas. O importante é demonstrar que a única coisa que vai mudar no relacionamento familiar a partir de agora, é que você deixará de viver na clandestinidade, continuando a mesma vidinha de amor e respeito como antes da revelação. Tranqüilize-os que você não viverá de escândalos, nem de prostituição e que sabe como se cuidar contra a AIDS.

    7. VOCÊ DEPENDE DE SUA FAMÍLIA?

    Se você é jovem e depende dos pais, talvez seja melhor esperar para se assumir quando tiver seu próprio salário e moradia independente. Contudo, caso decida abrir o jogo ainda morando com sua família, não aceite de forma alguma que eles o expulsem de casa ou imponham qualquer castigo ou repressão. Você não pediu para nascer, homossexualidade não é crime nem doença e você deve exigir que seja respeitado. Afinal, se alguém está errado não é você e sim quem discrimina os gays e lésbicas. Nestes casos, dramatize a situação, lembrando que famílias que rejeitam seus filhos homossexuais, estão empurrando estes jovens para a marginalidade e prostituição, e que expulso de casa você corre muito maior risco de pegar Aids, etc, etc.

    8. SEJA PACIENTE!

    Se teus pais são muito conservadores e moralistas, e se não desconfiavam de nada, certamente precisarão de mais tempo para se acostumarem com a idéia de ter um filho gay ou uma filha lésbica. Isto pode levar meses ou até anos. Se para você é muito importante manter bom relacionamento com a família, então além de ser paciente, evite qualquer conversa ou atitude que possa aumentar a vergonha ou raiva que passaram a sentir pôr você. Não entre em detalhes sobre sua vida íntima, só leve algum amigo ou amiga homossexual à sua casa se tiver certeza que ajudará os velhos a te aceitarem melhor.

    9. FAMÍLIA ÀS VEZES É MELHOR NA FOTOGRAFIA!

    Lembre-se que família não é apenas ter o mesmo sangue. Ninguém escolhe a família que tem, mas amigo, sim a gente pode escolher. Se sua família recusa-se, mesmo depois de muitas tentativas e paciência de sua parte, a te aceitar e te amar como gay ou lésbica, não abra mão de sua realização e felicidade pessoal para agradar aos parentes. Quem está errado não é você, são eles que devem mudar, portanto, se não te aceitam como você é, construa novos laços de amizade, amor e compreensão. Cortar o cordão umbilical ou livrar-se da barra da saia materna, no início pode ser duro e difícil, mas é o primeiro passo de uma vida mais autêntica e feliz. Também não cuspa no prato que comeu, e se puder manter bom contacto com seus pais, irmãos e demais parentes, já tem um bando de aliados para enfrentar a intolerância fora de casa.

    10. É LEGAL SER HOMOSSEXUAL!

    Todo mundo nasceu para ser feliz. É preciso ter muita coragem para enfrentar a barra de ser gay ou lésbica neste país onde a maioria das pessoas ainda considera o homossexual como um ser inferior. Vale a pena insistir: nós é que estamos certos, os homófobos, aqueles que criticam os homossexuais estão errados. A História está do nosso lado, e os países mais civilizados, onde os gays, lésbicas e travestis são respeitados como cidadãos, dão o exemplo que é melhor conviver e respeitar a pluralidade do que marginalizar as "minorias". Se você sente amor, paixão, gozo e tesão pôr pessoas do mesmo sexo, saiba que não está sozinho: mais de 10% da humanidade é igual a você. Em cada 4 famílias, numa tem um homossexual. E para te dar mais segurança e calar a boca dos intolerantes, não se esqueça de citar nossos heróis , que como você, praticaram o "amor que não ousava dizer o nome", entre eles Miguel Ângelo, Shakespeare, Oscar Wilde, Safo, Imperatriz Leopoldina, Martina Navratilova, James Dean, Gilberto Freyre, Angela Rorô, Fernando Pessoa, Mazzaropi, Sócrates. Luiz Mott, Toni Reis, David Harand, Raimundo Pereira, Richard Parker, Leila Miccolis, MacRae, Hebert Daniel, Paulo Bomfim, Wellington Andrade, Jane Pantel, Glauco Matoso, Trevisan, Perlongher, Veriano Terto Júnior, Claudio Nascimento, Rosangela Castro, Guilherme Araujo, e muitos outros homens e mulheres que você conhece que com gara, luta, sensibilidade nos ajudaram e ajudam a construir a nossa história e luta pela visibilidade, direitos e cidadania. Mire-se nesses exemplos.

    *Este texto é de 1984, adaptado pela Associação Barasielira de Amigos e Familiares de Homossexuais (ABAFHO) & GGB/GLB. Foi inspirado no folheto Read this before coming out to your parents: A guide for your and your parents, (1984) da Federation of Parents and Friends of Gays and Lesbians, Filadélfia, USA.

    ** Troca do termo errôneo “opção sexual” pelo CORRETO “orientação sexual”.

    http://www.ggb.org.br/orienta-assumir.html

    Como militante sou sempre a favor da VISIBILIDADE, afinal gente invisível não pode reclamar igualdade de direitos e como é sabido os LGBT têm em torno de 37 direitos negados pelo Estado em relação aos héteros apesar de pagarem os mesmos impostos. Mesmo sendo a favor da VISIBILIDADE por questões políticas de luta e também pela LIBERDADE de poder viver a sua vida sem precisar ficar mentindo e fingindo ser quem não é; porém acredito q assumir é algo muito particular de cada um q deve avaliar a sua situação e o contexto em q está inserido para q esse "assumir" seja algo que melhore a sua vida e o seu bem estar e não q crie mais problemas para a sua vida. Afinal de contas, se não for por questões relativas com a luta política do Movimento Homossexual Brasileiro e consciência de que gente no armário não contribui com a VISIBILIDADE DA NOSSA LUTA, obrigação propriamente dita de se assumir nenhum LGBT tem. Afinal de contas não somos diferentes dos héteros e vc nunca viu um hétero certo dia chegar em casa e se assumir: "Mãe, pai, sou hétero!"

    • Faça login para comentar as respostas
  • ?
    Lv 6
    Há 1 década

    Com toda a VERDADE e sinceridade...

    1 - Pq voces decidiram se assumir?

    R = Meu namorado na época era assumido e queria frequentar minha casa, minha "vida" como eu transitava pela dele...

    2 - Quando anos voces tinham?

    R = Uns 20... e poucos 21 ou 22...

    3 - como foi no dia que vcs se assumiram?

    R = Falei só para minha mãe que estava apaixonado por uma pessoa e que não poderia viver em uma mentira...

    4 - Como foi a reação da mãe de voces?

    R = Ela chorou um pouco no dia... mais depois queria até arrumar namorado pra mim, rsrs

    5 - E do pai de vocês?

    R = Nunca tivemos essa conversa... ele foi morar em outro estado antes de eu me assumir e depois ele veio a falecer... mais acredito que fosse tranquilo, pois meu pai possue 2 irmãos gays.

    6 - E Seus irmãos (as) como agiram?

    R = Minha mãe contou... que raíva!! rsrs minha irmã veio com aquele papo: "eu sempre serie sua irmã, vc pode contar comigo para o que precisar"

    Meu irmão, disse: "Não quero falar sobre esse assunto" e ele ficou em silêncio por pelo menos 1 ano... depois veio puxando papo, perguntado por namorado... querendo se aproximar...

    7 - isso melhorou na suas vidas?

    R = No meu caso: 1000000000000000000000 %

    Manter uma relação afetiva escondida... porquê??? não é crime???

    Quando agimos como criminosos nos tornamos algo que não reconhecemos depois.

    8 - O que piorou ??

    R = Sinceramente... NADA

    9 - Como eh a convivencia de vc com sua familia hj em dia?

    R = Tranquila... O único atrito que tive foi quando minha irmã não me convidou para uma festa VIP que teve na cobertura dela... eu achei que ela não quisesse expor seu irmão e o namorado dele... mais segundo ela foi "esquecimento"...

    10 - A quanto tempo vc ja eh assumido (a) ?

    R = Uns oito anos... por ae...

    11 - Outras pessoas (de sua familia, ou amigos) Tbm sabem de vc?

    R = É uma bola de neve... só não converso esses assuntos no TRABALHO... mais amigos próximos e familiares sabem.

    12 - Como essas pessoas reagiram?

    R = Não sei se as pessoas tentam mostrar que são maduras e educadas... mais todos se mostram bem receptivos... engraçado: "A minha relação com TODOS melhorou MUITO!!!"

    13 - Quem apoiou e quem se afastou de voces??

    R = Eu nunca precisei de apoio... eu nunca pedi permissão... eu apenas COMUNIQUEI... sempre deixei isso bem claro, eu sou um homem, adulto e responsável e pronto!

    *** Eu sempre fui muito maduro, comecei a trabalhar com 15 anos... aos 18 anos recebia mais que todos meus amigos nessa idade... sempre fui motivo de orgulho, o filhos que terminou a faculdade o filho que dá aula na maior escola de informática do país... o professor mais novo da escola...

    Enfim... procurei sempre fazer o MEU melhor para ajudar na hora que eu precisasse me expor... e AJUDOU.

    Ninguém olha para minha sexualidade... olham o Roberto... formado, bilíngue, educado, carinhoso e generoso.

    Desculpe o testamento... mais procurei ser SINCERO.

    Abraço forte... e boa sorte ;)

    • Faça login para comentar as respostas
  • Anônimo
    Há 1 década

    1 - Porque não me sentia bem comigo mesma, tinha de deitar cá pra fora.

    2 - 15

    3 - Foi o dia em que a minha ex namorada acabou comigo, kkkk deu-me uma coisinha má e contei pra mãe.

    4 - A minha mãe reagiu bem, felizmente.

    5 - Meu pai me abandonou, sou filha ilegítima.

    6 - Tenho 2 irmãs por parte do pai mas é como se não tivesse, nunca tivemos contato.

    7 - Sim, senti-me mais aliviada porque eu achava que a mãezinha já suspeitava.

    8 - Ouço alguns comentários contra os gays as vezes e mesmo sendo lésbica não gosto de ouvir não.

    9 - Sempre foi péssima.

    10 - 3 meses por ai, me assumi em Dezembro de 2009

    11 - A minha ex melhor amiga sabe.

    12 - Ela disse para eu procurar um psicólogo, que eu não estava bem por isso que eu me afastei e hoje ela ganha o rotulo de ex melhor amiga.

    13 - Eu só contei para a mãezinha, se ela contou a mais alguém não sei, mas ninguém se afastou de mim não.

    Abraços *--*

    • Faça login para comentar as respostas
  • Anônimo
    Há 1 década

    1- Porque não tive escolha. Meu irmão encontrou uma mensagem no celular que me incriminou.

    2- 15

    3- Ah.. como assim? estava um dia normal como qualquer outro. Minha mãe fez um monte de perguntas e acabei me assumindo.

    4- Ela começou a chorar desesperadamente.

    5- Não disse uma palavra.

    6- Meu irmão queria quebrar minha cara.

    7- Não muito no começo, mas agora vejo que está sim. Não preciso mais me esconder.

    8- Fui proibido de ver meu amor.

    9- Normal, como se nada tivesse acontecido.

    10- Quase um mês.

    11- Minha cunhada.

    12- Ela reagiu normal.. tanto é que virou minha aliada.

    13- Todos. Ninguém se afastou de mim, nem mesmo meu pai.

    Abraçs e boa sorte.

    • Faça login para comentar as respostas
  • O que você acha das respostas? Você pode entrar para votar em uma resposta.
  • Há 1 década

    1-Sou assumido para minha mãe e alguns amigos. Me assumi para amigos porque queria desabafar, estava sofrendo por um ex-namorado. Para minha mãe me assumi porque ela perguntou, e fui apenas sincero.

    2-18 anos

    3-Minha mãe aceitou de boa no dia, foi super amiga. Foi um dia bom.

    4-Minha mãe de início aceitou, hoje é super contra. Ela finge que sou hetero, tanto que ela fala para eu arrumar namoradas.

    5-Ele não sabe, ainda não é hora.

    6-Acho que ele também não sabe.

    7-Nada mudou, já que minha mãe nem toca no assunto comigo.

    8-Nada por enquanto.

    9-Como só minha mãe sabe e finge não saber, continua na mesma.

    10-Uns 6 meses.

    11-Só uma prima lésbica, a namorada dela e amigos alguns sabem apenas.

    12-A grande maioria aceitou de boa. Só um amigo que veio com piadinhas e comentários desagradáveis.

    13-Ninguém se afastou não, todos me aceitam como sou (os que sabem). Me tratam bem, da mesma forma como trataram.

    Um ótimo dia!

    ╔═Juninho╚═

    • Faça login para comentar as respostas
  • Há 1 década

    olha, eu vou te contar uma coisa importante.

    eu não sou homossexual, mas a minha mãe é, ela só foi se assumir depois que era casada e tinha 3 filhos pequenos.

    aí ela caiu nessa encruzilhada: sou feliz? gosto desse cara? o que estou fazendo com a minha vida? quem vai me apoiar? como vou desmanchar esse casamento? e como será a reação dos meus filhos? e dos amigos dos meus filhos na escola?

    meu amigo: é melhor você se assumir logo.. minha mãe deixou pra fazer isso bem depois e foi muito mais difícil pra ela e para os meus avós.

    o impacto no início pode ser ridículo para os homofóbicos, ainda mais os que demonstram violência!! com esses vc tem que chamar a polícia!!

    fora isso fião, o tempo é um santo remédio ainda mais para os que verdadeiramente amam você e que demoram um pouquinho para entender que o que importa na vida é o amor, e não se o cidadão é destro ou canhoto, branco ou negro, loiro ou moreno, sacou?...

    • Faça login para comentar as respostas
  • Há 1 década

    1- Acho que a pergunta seria... pq não assumir? Mas respondendo sua pergunta.

    R- Eu só escondi durante o tempo q não tinha certeza... qdo tive... simplesmente mostrei p todo mundo quem eu sou. Não tinha pq esconder...sou eu e ninguém tem direito de criticar, de interferir na minha felicidade, eu simplesmente comecei a namorar ou ficar com meninas onde eu queria e a apresentava como namorada... não entendo a reação das pessoas... ninguem assume q eh hetero, então qual a diferença de eu ser homo? Simples mente agi como somos, um casal normal.

    2- 21 anos

    3- Normal...ningém falou nada demais... minha mãe só levou um susto pq na época eu era casada com um homem... mas qdo me separei voltou tudo ao normal.

    4- Me disse q tava com o coração apertado e disse q a princípio não queria ver nada de namoro... mas depois se acostumou e não liga mais... mas sempre me tratou com o mesmo amor de sempre.

    5- Meu pai mora mto longe... então não vi a reação dele... tb não cheguei p contar (pq como eu disse... não preciso contar, mas todos sabem q me casei com uma mulher) mas ele sabe pq n escondo... vew fotos no orkut, comentários doces do meu filho sobre a outra mãe dele...

    6- hehe.. tenho muitas irmãs, uma disse: "eca". Outra ficou muito curiosa fazendo perguntas sobre como era. As outras 3 moram c meu pai, então tb n sei a reação delas.

    7- Melhorou muito... pq só depois q soube q era lésbica... foi q descobri a felicidade, hj sou mto feliz e tenho certeza de q se n fosse assumida eu sofreria muito por ter q esconder minha felicidade como se fosse um crime, por n poder pegar na mão de quem amo na hora q eu quiser, não demonstrar amor, esconder q vamos sair p namorar, viajar de lua de mel, voltar p casa no meio de uma farra p fazer SeXo....

    8- Meu ex-marido ameaçou tirar meu filho de mim. Mas foi só enqto ele tava c raiva por eu ter me separado... depois se deu conta que meu filho precisa de mim e que ele vive em um lar com muito amor.

    9- Do mesmo jeito de antes... só q agora meu filho tem duas mães, o pai é mto ausente e sempre foi (não foi só depois da separação) e os avós paternos dele tb sempre foram ausentes, mas os pais da minha mulher são ótimos avós p meu filho e eles se amam muito.

    10- 3 anos.

    11- Todos. Todo mundo q me conhece sabe... sempre lhes apresento minha mulher.

    12- Alguns se espantam, mas como trato tudo com naturalidade, eles acabam se envergonhando do espanto e acabam fingindo q eh natural p eles tb até q se torne mesmo natural.

    13- A grande maioria das pessoas me apoiou. Algumas amigas (uma na verdade) se afastou um pouco por causa dos pais e namorado homofóbicos, mas sempre mantém contato e eu entendo q n é por ela e prefiro não causar sofrimento a ela mais do q ter pai assim e namorado, então só nos vemos na faculdade e qdo ela tem saudades e vem me ver sem se importar c ele.

    E uma grande amiga hetero.. foi quem mais apoiou... ela disse: "Ai que lindo... é isso aí amiga, gente é gente... não importa o sexo.

    • Faça login para comentar as respostas
  • Há 1 década

    Boa Noite!

    - Pq voces decidiram se assumir?

    R=Não gosto de mentir para as pessoas a minha volta

    2 - Quando anos voces tinham?

    R=15

    3 - como foi no dia que vcs se assumiram?

    R=Tudo estava calmo,era em uma noite meia fria e a lua estava radiante,chamei meus familiares e contei a eles;ficaram surpresos pois nunca imaginaram que a filha pegadora seria lesbica,disseram que não eram contra mas tambem não a favor,mas a unica coisa que me pediram era que quando eu fosse beijar minha companheira,beijasse longe deles por educação...

    4 - Como foi a reação da mãe de voces?

    R=Surpresa demais

    5 - E do pai de vocês?

    R=Olhou para meus olhos e disse que me aceita assim,mas como eu disse eu não posso beijar minha companheira na frente deles.

    6 - E Seus irmãos (as) como agiram?

    R=Eles ainda não acreditam.

    7 - isso melhorou na suas vidas?

    R=Com toda certeza,pois não preciso mentir para ninguém e posso mostrar meu verdadeiro eu,as pessoas me tratam super bem e sou feliz deste jeito.

    8 - O que piorou ??

    R=sinceramente? Nada

    9 - Como eh a convivencia de vc com sua familia hj em dia?

    R=Eles são bem brincalhoes,me tratam super bem fazem piadas de gays(odeio)mas não dizem nada sobre mim,sou bem carinhosos...amoo *-*

    10 - A quanto tempo vc ja eh assumido (a) ?

    R=Digamos que 1 ano

    11 - Outras pessoas (de sua familia, ou amigos) Tbm sabem de vc?

    R=Todos sabem

    12 - Como essas pessoas reagiram?

    R=Fizeram uma cara de espanto e disseram que me aceitariam do jeito que sou

    13 - Quem apoiou e quem se afastou de voces??

    R=3 "amigos" se afastaram o resto ficou ao meu lado

    Abraços

    • Faça login para comentar as respostas
  • Há 1 década

    Eu acho que esta questao de se assumir é relativa; algumas pessoas sentem a necessidade de se assumirem, outras não. Eu sou gay, percebi isto desde os 12 anos de idade, hj estou com 26 anos e nao contei a meus pais que sou gay pois nao ha necessidade deles saberem disto: primeiro pq a vida eh minha, segundo pq eles jah sabem, apenas fecham os olhos.

    Outro motivo para eu nao ter contado é o fato das pessoas acharem que pq vc se assumiu como gay, vai começar a se vestir de mulher e coisas do tipo...

    Eu resolvi fazer o seguinte: viver normalmente, tenho namorado, que adoro estar com ele, jah disse em casa que nao vontade de casar e ter filhos (isto jah mostra que sou gay), dentre outras coisas...

    Tenha calma, como vc disse, sua casa estar passando por um momento dificil entao esta nao eh a melhor hora para vc fazer esta declaração!

    Como disse, cada caso é um caso, espere um pouco e veja o que vale a pena ser feito, beijos...e boa sorte pra vc.

    • Faça login para comentar as respostas
  • Anônimo
    Há 1 década

    Bem, vamos lá:

    1 - Pq voces decidiram se assumir?

    Eu não tive um motivo exato para me assumir, na verdade todo mundo já sabia e eu apenas confirmei quando a verdade apareceu.

    2 - Quando anos voces tinham?

    32

    3 - como foi no dia que vcs se assumiram?

    Depois de uma discussão na família, mas foi por outros motivos, prinicpalmente dinheiro, e meteram o fato de eu ser gay no meio. Minha mãe ficou do meu lado e apenas confirmou o que já sabia.

    4 - Como foi a reação da mãe de voces?

    Normal.

    5 - E do pai de vocês?

    Foi tão tensa que eu deixei de falar com ele. Hoje ele está morto.

    6 - E Seus irmãos (as) como agiram?

    Eu não tenho irmãos.

    7 - isso melhorou na suas vidas?

    Não melhorou nem piorou, continuou a mesma coisa.

    8 - O que piorou ??

    Nada.

    9 - Como eh a convivencia de vc com sua familia hj em dia?

    Normal. Até porque existe coisa bem mais interessante para se contar do que o que eu faço na cama.

    10 - A quanto tempo vc ja eh assumido (a) ?

    Quatro anos.

    11 - Outras pessoas (de sua familia, ou amigos) Tbm sabem de vc?

    Além de minha mãe, uma prima, que também não vê problemas. O resto da família, eu acho que sabe, mas eu não tenho contato com eles. Se eles ficam falando alguma coisa de mim, eu nunca soube, e também não dou a mínima.

    12 - Como essas pessoas reagiram?

    Nem ideia.

    13 - Quem apoiou e quem se afastou de voces??

    Minha mãe e minha prima. A única pessoa que resolveu se afastar, que foi meu pai, foi parar no caixão menos de três meses depois daquele dia.

    • Faça login para comentar as respostas
Tem mais perguntas? Obtenha suas respostas perguntando agora.