Quando pegam em teu pé, é por que seu pé esta no caminho.?

Muito embora podemos modificar o Planeta inteiro, mudar o rumo das coisas, viajar até a Lua, enviar sondas para outros planetas, etc, querendo ou não, temos uma dimensão animal. Como qualquer outro bicho, nós necessitamos de um espaço vital, o que tornamos como área para a nossa sobrevivência. No caso, a vida... mostrar mais Muito embora podemos modificar o Planeta inteiro, mudar o rumo das coisas, viajar até a Lua, enviar sondas para outros planetas, etc, querendo ou não, temos uma dimensão animal.

Como qualquer outro bicho, nós necessitamos de um espaço vital, o que tornamos como área para a nossa sobrevivência.

No caso, a vida em sociedade, este espaço vital ainda assim é diferenciada, pois não precisamos de espaço de terra para plantar ou caçar, ou pescar, pois adquirimos isto tudo com nossa capacidade de trabalho e remuneração, (que na maioria das vezes não corresponde com nossos esforços).

Na sociedade moderna o espaço fundamental para nossa sobrevivência é aquele que utilizamos para apresentar-mos a nossa identidade.

E exatamente aí esta o perigo. Pois geralmente sempre caímos no erro de apresentar algo a mais, para assim receber-mos uma retribuição maior, a que julgamos sermos merecedores.

Vivemos então um mundo de expectativas, que acabam por final se misturando a nossa identidade, e assim criamos um resultado contrário ao que esperávamos.

A única forma de entender como funciona é analizar a partir de nós. Sempre que alguém se atrever em invadir nosso espaço, automaticamente se torna nosso inimigo.

É normal uma pessoa que, ao chegar recentemente a um grupo, (escolar - trabalho - galera da cerveja - turma da balada - amigos virtuais - grupo da terapía - time do futebol - etc), e começe a chamar a atenção dos demais venha a se tornar um inimigo.

- De quêm? - Do antigo lider!

Algumas pessoas carismáticas possuem mais facilidade em ganhar simpatia, porém isto não significa que ela venha a agradar a todos.

Exatamente aqueles que já são os donos do território não aceitam a partilha do espaço. Aí começa o conflito!

Temos aí a famosa concorrência.

Sendo assim a discrição geralmente é o melhor caminho para digerir tais conflitos.

Porém agir com discrição não é para qualquer um, é para quem tem talento.

Paradoxamente, possuir talento é exatamente o oposto da discrição.

O jeito então é tirar o pé do caminho? Ou colocar os pés em paralelo?

A primeira opção é se omitir, se auto-anular. E esta auto-anulação nunca é em nome da Paz, pois anular-mos a nos mesmos em nome de uma trégua com terceiros, é na verdade estar em guerra consigo mesmo.

A segunda opção é Utópica. A partir do momento que surge o ambiente da concorrência, não tem geito. Alguém terá que perder!

Como você resolve seus problemas de espaço social?

Como você faz para se livrar daqueles que vivem pisando em teu pé?
16 respostas 16