Luisa
Lv 7
Luisa perguntou em Artes e HumanidadesFilosofia · Há 1 década

É melhor deixar ir quando se sente que tudo já não é a mesma coisa, ou uma "pausa" seria o remédio?

Existe remédio para o que já se perdeu? Existe tempo de espera? Ou é a nossa necessidade de fingir que tudo ainda está igual. Medo?

http://www.youtube.com/watch?v=9UTIguoRin4

Youtube thumbnail

abraços e amor

14 Respostas

Classificação
  • Há 1 década
    Melhor resposta

    Olá

    bem...por partes

    É melhor deixar ir

    - quem???pra onde???

    quando se sente que tudo já não é a mesma coisa,

    - nada é a mesma coisa tudo é diferente

    ou uma "pausa"

    - pausa é sempre pausa, experimente no dvd ou no cd, apertou de novo continua daonde parou, pode acreditar

    seria o remédio?

    - com esse frio recomendo um xarope bem grosso de guaco, é gostosinho

    continuando...

    Existe remédio para o que já se perdeu?

    - existe sim ACHAX OU ENCONTROL um comprimido a cada 8 horas e tiro e queda, mais tiro que queda aliás

    Existe tempo de espera?

    - existe também, eu me atrapalho um pouco com aqueles botôeszinhos, mas vc acaba aprendendo...pelo menos com o microondas foi assim, boa sorte!

    Ou é a nossa necessidade de fingir que tudo ainda está igual.

    - vc insiste com essa coisa de igual não é?

    Medo?

    - só tenho medo de aranha , mas só quando me pega de surpresa , do contrário eu dou umas chineladas e no mínimo ela foge

    e agora....

    ilustrando:

    http://www.youtube.com/watch?v=Q-D0XThtzaw

    Youtube thumbnail

    &feature=related

    abraços

  • Há 1 década

    Eu acho que espera seria o melhor.

    Pq muitas vezes achamos que tudo esta acabado e que não vai mais ser a mesma coisa, mas pode ser somente uma crise ou realmente acabou.

    "Deixo livre as coisas que amo. Se elas voltarem é porque as conquistei, senão porque nunca as tive."

    Acho que esta frase explica tudo ... bjssss

  • Há 1 década

    Vou responder com um exemplo: A gente tem um pouco de água na mão, se a gente deixar a mão aberta em forma de concha ela permanece na nossa mão, se a gente apertar ela escorre e a gente a perde.Se não foi não era pra ser, o melhor é terminar.

  • Há 1 década

    Tudo muda, estamos em plena mudança, então não espere que as coisas voltem a ser como foram, ao invés, lute para que as coisas sejam melhores do que foram...

    Até mais.........

  • O que você acha das respostas? Você pode entrar para votar em uma resposta.
  • Há 1 década

    Se entendi a pergunta, acho que é preciso vencer o medo e tentar recuperar se é o que se quer, pra tudo há um remédio, pelo menos não podemos deixar de lutar até o fim.

    bjim.

  • Há 1 década

    Penso que esta letra diz muito:

    Pedacinhos

    Guilherme Arantes

    Pra que ficar juntando os pedacinhos

    do amor que se acabou

    Nada vai colar,

    nada vai trazer de volta

    a beleza cristalina do começo

    e os remendos pegam mal

    Logo vão quebrar

    Afinal a gente sofre de teimoso

    Quando esquece do prazer

    Adeus também foi feito pra se dizer:

    Bye bye, so long, farewell...

    Pra que tornar as coisas tão sombrias

    na hora de partir

    Por que não se abrir

    Se o que vale é o sentimento

    e não palavras quase sempre traiçoeiras

    e é bobeira se enganar

    Melhor nem tentar...

    Afinal a gente sofre de teimoso

    quando esquece do prazer

    Adeus também foi feito pra se dizer:

    Bye bye, so long, farewell...

  • Há 1 década

    Oi!

    As pessoas vivem correndo e querem tudo pra ontem...por que não ter um pouco de paciência e quando a situação estiver mais calma não conversar ou apenas com um ato mudar o que aconteceu...um beijo pode melhorar tudo ou melhor, um pedido de desculpa pode mudar...quando pensarmos que existem tantas coisas mais do que conseguimos ver, poderemos nos dizer felizes...acredite numa coisa, não se perde o que nunca se teve...o medo é parte disso tudo, da transformação, da verdade que pode estar escondida dentro de você e não na outra parte.

    Pondere seus pensamentos e veja o que você quer pra sua vida e depois sinta o que seu corpo lhe diz...se há pertubação, então deixe ir...

    Um grande abraço e fique com Deus.

  • Há 1 década

    Um rio, ao se estreitar num corredor entre montanhas, como mesmo na dúvida se é maior o amor por seus filhos pela sua mãe, ou como o jorro em cachoeiras de paixão por uma só pessoa, sempre dá uma pausa em largas lagoas para meditação e só então segue sereno o seu curso....

    Umas pausinhas não fazem mal não.

    Os sentimentos são difíceis de serem compreendidos e a separação periódica é a mais eficiente maneira de, a medir pela saudade, avaliar nossas próprias dúvidas e incertezas.

    Sou a favor do tal "tempinho"... para reflexão.

    O problema é que durante a "pausa" ambos, amante e amada, correm o risco de mudar de curso...

  • Há 1 década

    o melhor remédio para a vida é o tempo.... pensar e refletir antes de agir ajuda um pouco.

  • Há 1 década

    As vezes a separação é necessária pra se saber o que fazer, se alguma coisa pode mudar...mas vc tem que olhar pro seu umbigo primeiro, se vc mesmo naum consegue mudar, como cobrar do outro.

    Na maioria das vezes é mudando que tudo muda. Se isso naum é possível, deixe-o ir e siga o seu caminho.

    O tempo um dia pode mostrar que aquela pausa era necessária ou que naum era pra ser.

Tem mais perguntas? Obtenha suas respostas perguntando agora.