Fale sobre os tipos de projeção cartografica e ate um que seja mau utilizado?

Seguir
  • Seguir de forma pública
  • Seguir de forma privada
  • Deixar de seguir
Melhor resposta
  • MAGNO respondido 5 anos atrás
Alguns dos tipos mais comuns são:

- Projeção plana
- Projeção cilíndrica
- Projeção cônica
- Projeção azimutal

E pode-se dizer que a projeção cilíndrica é má utilizada se representar os pólos.
  • Taxa
  • Comentário

Outras respostas (2)

Classificada como mais alta
  • Classificada como mais alta
  • Mais antigo
  • Mais recente
  • binhagatarj58 respondido 5 anos atrás
    PROJEÇÃO CARTOGRÁFICA

    O processo de sistematicamente transformar partes da Terra esférica para que sejam representadas em uma superfície plana mantendo as relações espaciais é chamado de Projeção Cartográfica. Este processo é obtido pelo uso de Geometria e, mais comumente, por meio de fórmulas matemáticas. A correspondência entre os pontos da superfícies terrestre e a sua representação, constitui o problema fundamental da cartografia, pois impossibilita uma solução perfeita, ou seja, uma projeção livre de deformações. Tentando minimizar as distorções, diferentes técnicas de representação são aplicadas no sentido de se alcançar resultados que possuam propriedades favoráveis para um propósito específico


    PROJEÇÃO CILÍNDRICA

    Alguns exemplos de projeções cilíndricas:

    PROJEÇÃO MERCATOR

    Projeção de Peters
    Projeção cilíndrica equidistante
    Projeção Dymaxion

    PROJEÇÃO CÔNICA

    Projeção cônica simples
    Projeção conforme de Lambert
    Projeção cônica múltipla

    PROJEÇÃO AZIMUTAL

    projeções cilindrica de robison
    Projeção ortográfica
    Projeção estereográfica
    Projeção gnomónica
    Projeção azimutal
    Projeção azimutal de Lambert
    Temos vários recursos utilizados na Projeção Cartográfica e vários deles,estão aí que são os três tipos de projeção contidos no texto.


    PROJEÇÕES AFILÁTICAS

    Distorcem formas,áreas e distância. Ex: Projeção de Robinson


    INTRODUÇÃO

    A Cartografia Temática é o ramo
    da Cartografia que trata da representação
    gráfica, para um fim específico, de um
    tema ou uma correlação de temas, sobre
    um mapa-base ou base cartográfica.
    Segundo o Decreto Lei Nº 243 de
    1967 que fixa as Diretrizes e Bases da
    Cartografia Brasileira, no seu Capítulo IV,
    Art.6º, §1º , as Cartas Temáticas são
    aquelas que “apresentam um ou mais
    fenômenos específicos, servindo a
    representação dimensional apenas para
    situar o tema”. Ainda no mesmo decreto
    em seu Artigo 11 “...A Cartografia
    Sistemática Especial ..., bem como a
    Temática, obedecem aos padrões
    estabelecidos no presente decreto-lei para
    as cartas gerais com as simplificações que
    se fizerem necessárias à consecução de
    seus objetivos precípuos, ressalvados os
    casos de inexistência de cartas gerais”.
    Vemos assim que à princípio, a
    Cartografia Temática deverá seguir as
    normas e padrões da Cartografia
    brasileira, no entanto não existe uma total
    sistematização dos procedimentos a serem
    adotados para que se obtenha um bom mapa
    temático, que atenda aos objetivos do
    executante e que ao mesmo tempo seja bem
    entendido pelo usuário. Para isto é preciso
    antes de mais nada, conhecimentos básicos
    de Cartografia e Semiologia Gráfica, além
    de uma boa dose de bom senso.
    Na Cartografia Temática a
    percepção das informações tem supremacia
    sobre as informações da própria base
    cartográfica utilizada, contudo não se pode
    suprimir ou negligenciar informações
    importantes como a escala e legenda.
    A elaboração de mapas temáticos
    transcende o âmbito da Engenharia
    Cartográfica, já que diferentes
    profissionais se apropriam desta forma de
    comunicação para ilustrar ou demonstrar
    informações ou idéias, atendendo à
    diferentes áreas do conhecimento. Contudo
    tais profissionais devem estar atentos para
    que não incorram em erros que possam
    comprometer a comunicação cartográfica.
    Na elaboração de mapas temáticos
    a comunicação das informações
    qualitativas, ordenadas ou quantitativas,
    deve ser compreensível para o usuário,
    fornecendo uma resposta visual clara,
    coerente, lógica e livre de ambigüidades.
    "A clareza e confiabilidade da
    representação da informação no mapa é
    fator fundamental na Cartografia
    Temática" Brito, 1999, p. 1.

    2 TIPOS DE ERROS ENCONTRADOS EM MAPAS
    TEMÁTICOS

    a) Erros grosseiros: erros de Topologia,
    uso de letras inadequadas, erros no
    layout , mapas apresentados sob a forma
    de imagens com baixa resolução,...;
    b) Legenda inexistente, insuficiente ou
    inadequada;
    c) Semiologia gráfica: uso inadequado de
    símbolos, arranjo inadequado de cores,
    contraste de cores figura/fundo,...;
    d) Problemas de escala: do mapa (escala
    cartográfica) ou da abrangência do
    fenômeno ou informação (escala
    geográfica);
    e) Ampliação de mapas;
    f) Digitalização de mapas;
    g) Compilação de mapas com DATUM
    diferente;
    h) Generalização: Excesso ou insuficiência
    de informações;
    i) Problemas de projeção cartográfica;
    j) Problemas na apresentação, reprodução
    ou impressão;
    k) Erros no georreferenciamento de
    imagens;
    l) Erros dos próprios dados ou fontes de
    pesquisa;
    m) Erros ou desatualização da própria base
    cartográfica;
    n) Erros propositais ou deliberados -
    mapas fortemente imbuídos de
    ideologia;

    3 ALGUNS EXEMPLOS DE ERROS
    COMUNS 1
    Um erro grosseiro mui
    • Taxa
    • Comentário
  • Ateu Poeta respondido 5 anos atrás
    bem, você deveria procurar assistir a série "COSMOS" de Carl Sagan ou procurar coisas de ASTRONOMIA.

    Fonte(s):

    • Taxa
    • Comentário
  • Sign In 

    para adicionar sua resposta

Quem está seguindo esta pergunta?

    %
    MELHORES RESPOSTAS
    Membro desde:
    Pontos: Pontos: Nível
    Total de respostas:
    Pontos nesta semana:
    Seguir
     
    Deixar de seguir
     
    Bloquear
     
    Desbloquear