As pessoas buscam em filmes e novelas "seu" estilo de vida?

Incrível como as pessoas vivem alienadas !. Tudo que se faz tem que recorrer a algo que passou num filme ou novela, até as falas, os namoros. Nossa geração perdeu sua auto-estima. Os casais ficam observando os outros para começarem a encenar igualzinho. Sonham com príncipes e princesas, Deus do céu !. Sonham... mostrar mais Incrível como as pessoas vivem alienadas !.
Tudo que se faz tem que recorrer a algo que passou num filme ou novela, até as falas, os namoros.
Nossa geração perdeu sua auto-estima. Os casais ficam observando os outros para começarem a encenar igualzinho.
Sonham com príncipes e princesas, Deus do céu !. Sonham com jantar à luz de velas !. Virou uma convenção do amor esse ato, todo mundo que ama tem que cumprir esse rito, é incrível como falta imaginação e autenticidade nas pessoas.
E seguimos a mídia, como insetos correndo para a luz.
Muito se fala de "amor", mas amar é algo tão enigmático, tão artificial, tão absurdamente trabalhoso e desgastante?.
As pessoas imploram, clamam por uma mentira, uma ilusão. As pessoas não querem alguém para suas vidas, querem algo mágico, como atravessar um portal de encantos.
Por isso vemos relacionamentos frustrantes, demolidos, ruinas de sentimentos. Deixamos de amar com o coração, para ter uma etiqueta, um ISO de qualidade que todo mundo perceba e tem que ser igual a algo que deu certo, que todos lembrem que é aprovado, sem o risco de ser o casal fora do contexto. Todo mundo tem que seguir igual, como uma romaria.
Como viver, que era uma coisa simples, virou um malabarismo, para tudo tem que se cumprir um passo determinado, um ato dramático, até sorrir tem que ter um estilo cinematográfico. Perdemo-nos no caminho de casa para o cinema.
Abraço.
Coélet.
Atualizar: Até se candidatar a um emprego, virou uma encenação, existem aulas para ensinar o candidato a ser agradável a seu entrevistador, uma etiqueta de boas maneiras para "implorar" um trabalho.
A vida virou uma farsa, somos seres falsificados, atores mal pagos de um roteiro estúpido.
Atualização 2: Querida única, eu adoro cinema. Não falei que o problema é o cinema ou a novela, falei das pessoas viverem ficções.
A vida não é filme você não entendeu ... ( Já dizia nosso Herbert Viana)
Atualização 3: Wagner, muito boa resposta!. Nada de abobrinhas, você foi excelente!.
12 respostas 12