Qual a principal diferença entre países desenvolvidos e países subdesenvolvidos?

Seguir
  • Seguir de forma pública
  • Seguir de forma privada
  • Deixar de seguir
presciso sabe a principal diferença entres eles..
Melhor resposta
As principais diferenças entre países desenvolvidos e países subdesenvolvidos são suas características sociais e econômicas.
Não há uma definição formal de requisitos para que um país se estabeleça como desenvolvido. É um consenso de que os EUA e o Canadá na América; o Japão na Ásia; Austrália e Nova Zelândia na Oceania e os países da Europa Ocidental sejam as regiões desenvolvidas do mundo. Contudo, discute-se sobre a situação de locais como Hong Kong, os Tigres Asiáticos, a Rússia entre outros sobre a possibilidade destes serem já considerados países ricos. Para se avaliar, então, denotam-se algumas características em comum destas áreas, e as define como sendo condições para o desenvolvimento de um determinado Estado.
Quando um Estado possui um alto Índice de Desenvolvimento Humano e uma economia altamente industrializada, ele é considerado desenvolvido. Além disto, um país pode ser considerado em desenvolvimento (caminhando para se tornar desenvolvido) ou subdesenvolvido (países com sérios problemas sócio-econômicos), possuindo características distintas nestes dois casos.
O Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) é uma medida estatística que reúne cálculos demográficos considerados mais influentes de uma determinada população: a taxa de analfabetismo, a expectativa de vida e a qualidade de vida (PIB per capita). Ele é considerado um indicador social crucial para a determinação se um país vem a ser desenvolvido, em desenvolvimento ou subdesenvolvido. Medido em valores de 0 a 1, países com os mais altos IDHs chegam a 0,8 em média, um meio-termo próximo a 0,65 e os mais pobres atingem taxas de 0,4 ou menos. Existem muitas críticas acerca da metodologia de aplicação das pesquisas e dos cálculos, e também pelo fato do índice não considerar importantes variáveis sociais. Porém, até então, ele serve bem ao propósito de comparar as condições sociais entre os diversos países do mundo para entidades como a ONU e o Banco Mundial.
Economicamente, um país é dado como desenvolvido por já ter um alto nível de industrialização de seu mercado. Isto se verifica quando a maior parte da sua economia se encontra nos setores terciário (mercado de serviços) e quaternário (pesquisa, desenvolvimento científico e informação). O indicador mais usado para medir o grau de desenvolvimento de um país é o PIB per capita do mesmo. Países desenvolvidos chegam a ter seu PIB per capita várias vezes maior que países subdesenvolvidos. O processo de industrialização de um Estado traz consigo uma forte alteração demográfica de sua população, quanto a sua localização e urbanização. Países subdesenvolvidos tendem a ser altamente agrários, com sua população vivendo majoritariamente em zonas rurais; países em desenvolvimento mostram sinais de êxodo rural e inchação das grandes cidades. Com o desenvolvimento vem o fim do crescimento vegetativo das metrópoles, sendo que as migrações podem ocorrer para as zonas de médio porte ou se estagnarem (variando de acordo com cada nação, incluindo a possibilidade de um êxodo urbano).
Um outro contraste interessante, que se correlaciona com o grau de desenvolvimento de uma sociedade está na análise de sua pirâmide etária. A pirâmide etária de uma população mostra qual a situação da distribuição da população de acordo com sua respectiva faixa etária (qual parcela da população é jovem, qual tem a meia idade e qual é mais velha). Países subdesenvolvidos tendem a ter um alto índice de jovens, se comparado à população de mais velhos. Isso se deve principalmente à baixa expectativa destes. Com o processo de desenvolvimento, um Estado tende a mudar esta situação. Inicialmente incorre em um grande crescimento vegetativo, vindo do aumento da taxa de fecundidade e da expectativa de vida. Com o tempo, contudo, este crescimento vegetativo tende a zerar, permitindo com que se pare de nascer tantos jovens (reduzindo sua população) e a qualidade de vida permitirá mais pessoas vivendo mais (aumentando a população dos mais velhos). Portanto, países desenvolvidos tendem a mostrar uma pirâmide etária invertida: com o pico maior que a base; países em desenvolvimento tendem a mostrar uma pirâmide mais homogênea e países subdesenvolvidos possuem uma base bem maior que o pico (muitos jovens e poucos idosos).
Com estas características aqui analisadas, é possível já delinear os contrastes do mundo desenvolvido e industrializado com o mundo subdesenvolvido e pobre. Há ainda uma grande desigualdade entre as nações no mundo, mesmo com a atuação de entidades como ONU, BID, Banco Mundial e ajuda entre os países.
Know-how, também conhecido como conhecimento processual, é o conhecimento exercido durante a execução de determinada tarefa. Diferente de outras formas de conhecimento, este pode ser diretamente aplicado a uma função. Ele é usado especificamente para produção de tecnologias, e é padronizado de tal forma que é possível inclusive que se crie propriedade intelectual sobre ele. O know-how de confecção de um tipo de sapato, por exemplo, pode estar nas mãos da empresa Nike, que pode querer vender este conhecimento para a Adidas.
Países com maior grau de industrialização possui grande know-how de suas atividades, sendo portanto importado pelos diversos países em desenvolvimento mundo afora, até que estes tenham uma capacitação educacional tal que também sejam capazes de criar seus próprios conhecimentos de tecnologias de produção, como vem acontecendo muito com a Coréia do Sul no ramo de eletrônicos ou com o Brasil na tecnologia para a agro-pecuária (especialmente na indústria voltada para este setor).

Source:

  • 2
  • Comentário

Outras respostas (6)

Classificada como mais alta
  • Classificada como mais alta
  • Mais antigo
  • Mais recente
  • MaahB respondido 5 anos atrás
    Aqui explica tudo direitinho:

    Países Subdesenvolvidos:
    http://pt.wikipedia.org/wiki/Pa%C3%ADses...
    Países Desenvolvidos:
    http://pt.wikipedia.org/wiki/Pa%C3%ADses...
    • Taxa
    • Comentário
  • PUNKAZZZ respondido 5 anos atrás
    Em suma países desenvolvidos apresentam idh elevado.. e países subdesenvolvidos apresentam um idh relativamente + pobre... expactiva d vida.. pib percapita... escolaridade... tudo isso contribui para definir se um país è desenvolvido ou não
    • Taxa
    • Comentário
  • Aipinspucueba respondido 5 anos atrás
    A educação e informação.
    Um tem outro não.
    Daí prá frente é fácil identificar o resto.
    • Taxa
    • Comentário
  • Kaká respondido 5 anos atrás
    Nos desenvolvidos a fase de crescimento economico
    foi alcançada e mantida,seguida do desenvolvimento
    economico,ou seja,a justa distribuição de renda,plena
    educação em todos os niveis,saude completa,industrias e empregos.
    Em suma é melhoria das condições de vida dos cidadões.
    Nos sub no máximo pode haver só a fase de crescimento economico.

    K.K´.
    • Taxa
    • Comentário
  • Rulfh respondido 5 anos atrás
    A diferença está no 'sub'.
    Tirando o sub/ ------ /desenvolvidos,
    Ficarão todos ---- desenvolvidos.....
    rssssssssssssss...
    • 1
    • Comentário
  • pafunca respondido 5 anos atrás
    desenvolvidos fodem os subdesenvolvidos.
    • Taxa
    • Comentário
  • Sign In 

    para adicionar sua resposta

Quem está seguindo esta pergunta?

    %
    MELHORES RESPOSTAS
    Membro desde:
    Pontos: Pontos: Nível
    Total de respostas:
    Pontos nesta semana:
    Seguir
     
    Deixar de seguir
     
    Bloquear
     
    Desbloquear