Tenho algum futuro escrevendo livros em Portugues? Pois ja' vivo ha muito tempo nos EUA, o que acham?

Abri os meus olhos sonanbulos vagarosamente, ao meu redor a visão cada vez mais clara de um dia de verao maravilhoso e aquecedor, prestei muita attenção ao redor de meu quarto, já havia acordado neste quarto muitas vezes mais nunca reparei nos detalhes de meu proprio quarto; Mais desta véz eu reparei na tinta de... mostrar mais Abri os meus olhos sonanbulos vagarosamente, ao meu redor a visão cada vez mais clara de um dia de verao maravilhoso e aquecedor, prestei muita attenção ao redor de meu quarto, já havia acordado neste quarto muitas vezes mais nunca reparei nos detalhes de meu proprio quarto; Mais desta véz eu reparei na tinta de parede discascadas na parede verde aflito que um dia já foi um verde vivo e alegre, o guarda roupa grande e velho que até aquele momento pensava ser uma coisa universal que existia no mundo todo
O motivo que me fez prestar mais attenção aos detalhes nesta manhã pregrisoça, foi simplesmente a vontade doida que vinha me martilhando por quase dois anos. A dois anos atraz eu resolvi fazer as contas de quanto tempo iria demorar para eu podesse juntar dinheiro sufficiente para comprar um fusca velho, ganhando o que eu ganhava naquela época que era acerqua de 150 dollares por mês. O resultado foi espantador e até um pouco humilador para minha conciencia propria, eu iri precisar trabalhar por mais de 5 anos e não gastar nada para que pudesse comprar um carro usabo bem velho em cinco anos.
Este resultado inesperado derubou e desabatou minhas esperanças de uma vida melhor no futuro.
Em vista deste resultado eu propus a min mesmo que iria pensar na situação por algums dias. Eu sempre tive as minha melhores ideas caminhando nas ruas do interior de São Paulo na cidade de Jau, uma cidade de tamanho medio-pequeno que é alias muito acolhedora e aconchegante, o seu povo é costumeiro and muito amigavel com um jeitinho de interior brasileiro sem qualquer outro.
No segundo dia enquanto andava na calçada que seguia o rio Jau, a resolução do meu problema apareceu claramente em minha mente, foi como se alguem tivesse me dito a resposta ao problema que se expunha diante de min, uma epifania que causou uma conversa internal mais ou menos assim;
“Como resolverei este problema tao dificil?” Pensei sozinho, poderando atentamente o problema e as soluçoes possiveis.
“Não há outra maneira, senão mudar para os Estado Unidos!” falou uma voz muito clara que conhecia como a minha conciencia propria.
“Nossa que idea legal está, isto sim resolveria o problema mesmo, mais será que não há nenhuma outra alternativa mesmo radical?” Ponderava incessamente.
Em minha cabeca eu continuai a tentar encontrar outras alternativas por algums meses mais a conclusão era sempre a mesma, mudar para os Estado Unidos iria dar certo, uma voz me dizia dentro de mim, mesmo que está solução causasse outros problemas para serem resolvidos, problemas como;
Onde encontrar o dinheiro necessario para comprar a passagem de avião para os EUA, como conseguiria me virar em um pais estranho com lingua differente afinal eu sabia somente um Ingles muito rudementar, falava somente uma duzia de palavras que aprendi na escolha publica que frequentava. Basicamente a solução ao meu problema inicial trouse consigo muitos outro problemas que eu teria que resolver para que eu pudesse colocar o meu plano em ação.
Mais tinha sempre essa voz dentro de mim, me dando coragem e força para continuar pensando. Imagina a minha surpresa quando a pouco a pouco os problemas estavam sendo resolvidos na minha mente, dentro de mais ou menos 3 meses eu tinha o plano completamente formulado na minha mente como eu iria mudar para os Estados Unidos.
Atualizar: Esta e' uma versao differente que ja' fiz antes mais nao e' a traducao da versao Portuguesa e escrita differentement. Voce sabe qual e' a melhor versao? Lets start with a little bit about myself, I am a 35 years old man, born in Jau, Sao Paulo, Brazil in 1973, being born into a very poor... mostrar mais Esta e' uma versao differente que ja' fiz antes mais nao e' a traducao da versao Portuguesa e escrita differentement. Voce sabe qual e' a melhor versao?

Lets start with a little bit about myself, I am a 35 years old man, born in Jau, Sao Paulo, Brazil in 1973, being born into a very poor family did not prevent me from having the best years of my life, I grew up with my mom which did everything possible to raise me correctly, I hope she is not too disappointed on how I turned out, just kidding mom.
The real funny thing about growing up being poor is that everything I got while being poor I enjoyed it more, take chocolate for example, while I was little we could only afford it once a year during Easter, however that chocolate Easter Egg was the best chocolate in the world, no matter how hard I look for it now I cannot find chocolate that tastes as good as that chocolate tasted back then, and this applies to everything else as well, it is as if thi
Atualização 2: Thanks a lot , I corrected it, there are tons of errors I am sure this is my first unedited draft, I already have 100 pages but before finishing it I wanted to know if it even viable for me to write in English and I wonder If I would do a better job if I wrote in Portugues and then translating into English either... mostrar mais Thanks a lot , I corrected it, there are tons of errors I am sure this is my first unedited draft, I already have 100 pages but before finishing it I wanted to know if it even viable for me to write in English and I wonder If I would do a better job if I wrote in Portugues and then translating into English either way it will be hard because I have been away from Portuguese for over 15 years and English is my 2nd language.

"I grew up with my mom who* did everything possible" instead of which*
3 respostas 3