O que são OSCILAÇÕES HARMONICAS E OSCILAÇÕES MECANICAS?????????? respondam!!!!?

Seguir
  • Seguir de forma pública
  • Seguir de forma privada
  • Deixar de seguir
preciso da definição por favor!!!
trabalho de escola!!!
respondam...
Melhor resposta
A oscilação harmônica é representada matematicamente pela equação do movimento harmônico simples (MHS), ou seja, a quantidade que mede o comportamento do corpo que está oscilando, ou vibrando, é representada pela equação

u(t) = a cos(wt + a)

onde,

a = amplitude;

(wt + a) = fase, ângulo do qual depende o estado particular do fenômeno oscilatório no instante considerado;

w = freqüência angular ou freqüência circular ou pulsação;

a = fase inicial, o valor da fase no instante t = 0.

No SI de unidades de medida, a fase é medida em radianos (rd), a freqüência angular em radianos por segundo (rd/s) e a medida da amplitude depende da natureza física do fenômeno que a equação representa (metros, Volts, Ampéres, Watts, etc.). O normal é se supor a amplitude uma quantidade positiva, pois se tivermos uma expressão do tipo u(t) = -a cos(wt + a), com a positivo, essa sempre deve ser interpretada como um movimento onde a fase inicial é a + p, pois resulta que -a cos(wt + a) = a cos(wt + a + p).

O período T de uma função harmônica é dado pelo menor tempo necessário para a função assumir novamente o mesmo valor a parti de um instante qualquer t, ou seja,

u(t) = a cos(wt + a) = u(t+T) = a cos[w(t+T)+a] = a cos[(wt+a)+wT]

Isto requer que o produto (wT) seja igual ao menor múltiplo de 2p, ou seja, wT= 2p. Resulta, assim. que o período da função harmônica é dado por T = 2p/w.

O período mede, efetivamente, o tempo necessário para o fenômeno oscilatório percorrer um ciclo. Dessa forma, o número de ciclos (ou oscilações) verificados durante o tempo de um período, é chamada freqüência (f) do movimento harmônico. Logicamente, resulta que f=1/T. A freqüência é medida em 1/segundos (s-1), mas costuma ser chamada de ciclos/segundo (cps).

No SI de unidades 1s-1 = 1 cps = 1 Hertz (Hz). Assim, por exemplo, uma oscilação cuja freqüência é um MHz (Megahertz = 106 Hz) tem um período dado por T = 10-6 s, ou seja, um microssegundo, um milionésimo de segundo.

Uma função harmônica de fase inicial diferente de zero pode ser representada alternativamente como segue.

u(t) = a cos (wt + a) = a cos (wt) cos (a) - a sen (wt) sen (a)

Definindo as quantidades

A = a cos (a), B = - a sen (a)

a equação do movimento harmônico assume a forma

u(t) = A cos (wt) + B sen (wt)

Se for dada essa última forma, podemos calcular a amplitude e a fase inicial por meio das relações

a = , sen (a) = -B/a, cos (a<) = A/a

sendo a fase inicial perfeitamente definida, pois conhecemos o valor do seno e do co-seno.

Oscilações

Oscilações mecanicas são fenômenos em que pelo menos uma grandeza de um sistema varia periodicamente com o tempo. São exemplos de oscilações os movimentos de um pêndulo, de um pistão e inúmeros outros tipos de vibrações mecânicas, incluindo-se as vibrações atômicas em sólidos e moléculas, onde a grandeza que oscila é uma coordenada espacial. Também em outros sistemas dinâmicos de naturezas diversas, sejam químicos, biológicos, ecológicos ou econômicos, as oscilações podem ocorrer dependendo de certas condições. Neste curso, entretanto, vamos nos restringir às oscilações mecânicas, regidas pela segunda lei de Newton, as quais conduzem a uma equação diferencial linear de segunda ordem.
  • 1
  • Comentário
Sign In 

para adicionar sua resposta

Não há outras respostas

Quem está seguindo esta pergunta?

    %
    MELHORES RESPOSTAS
    Membro desde:
    Pontos: Pontos: Nível
    Total de respostas:
    Pontos nesta semana:
    Seguir
     
    Deixar de seguir
     
    Bloquear
     
    Desbloquear