Quais são os tipos de depositos minerais existentes?

Seguir
  • Seguir de forma pública
  • Seguir de forma privada
  • Deixar de seguir
me diga quais são os tipo de depositos minerais eexistentes!
Melhor respostaEscolha do autor da pergunta
Minerais são substâncias naturais que se formam dentro de determinadas rochas, por exemplo: ouro, prata, platina, mercúrio... Com mais de 3.000 tipos, por exemplo: ágata, água-marinha, diamante, esmeralda, gesso, gipsita, granada, morganita, ônix, opala, quartzo, rubi, safira, turmalina, turquesa, etc...

Mineral é um elemento ou um composto químico formado em geral, por processos inorgânicos, o qual tem uma composição química definida e ocorre naturalmente na crosta terrestre.

São corpos inorgânicos, sólidos à temperatura ordinária que constituem as rochas da estrutura terrestre.

A ocorrência de minerais na natureza processa-se de diferentes modos:
- solidificação do magma fundido, após o resfriamento,
- depósito, nas cavidades e fendas das rochas, de substâncias dissolvidas em água,
- transformação de minerais formados por agentes atmosféricos, em particular a água,
- ação recíproca de uma rocha e do magma fundido que a atravessa.

Já rochas são agregados de minerais, por exemplo: areia, argila, basalto, gabro, granito, mármore... Portanto, rochas e minerais são coisas totalmente distintas uma da outra.

"Cristal" é um termo genérico! Cristal não é uma espécie e sim uma qualidade. Diz-se de todos os minerais que têm a forma cristalina, ou seja já nasce como cristal, como o quartzo que é um cristal!

"Pedra" é um termo extremamente genérico do reino mineral. E "gema" refere-se à qualidade de certos minerais e, está ligado intimamente à pureza do mesmo, por exemplo: pode-se ter um diamante considerado gema e outro que não é considerado pelo fato de sua pureza ser tão pequena que não valeria a pena lapidá-lo, para transforma-lo em jóia. O mesmo pode acontecer com qualquer outro cristal...

A rocha é do reino mineral, assim como a água, o petróleo, a "terra"... Então não se pode confundir "mineral" com coisas do reino mineral. Por exemplo: o plástico não é um mineral e sim um polímero do reino mineral, porque foi extraído do petróleo que é do reino mineral.

Por incrível que pareça, o vidro não é considerado um mineral e sim "um líquido" porque ele não possui um sistema cristalino embora ele seja feito de minerais (no geral areia ou quartzo) mas quando o mineral é derretido ele perde a sua forma cristalina e por isso não é mais considerado (geológicamente e mineralogicamente falando) um cristal e, consequentemente um mineral.

Outro exemplo: você pode juntar ferro, chumbo, estanho, zinco, ouro, prata e formar uma liga qualquer. Bem, todos são minerais, mas juntos eles perderam as suas características individuais de minerais e passaram a ser um sólido qualquer do reino mineral.

Outro exemplo: Eu tenho um cristal chamado calcantita que é produzido em laboratório. São lindos cristais azuis e a sua fómula química é essencialmente CuSO4.5H2O (a fómula eu busquei na net) ou seja, sulfato de cobre hidratado. Mas veja só, no meio mineralógico ou geológico, não se pode considerar como mineral pois não "nasceu na natureza"...

Já, por outro lado, existe um mineral chamado calcantita, que é a mesma coisa mas, pelo fato de se formar por processo geológico natural (natureza) é considerado "um mineral". Por isso volto a repetir, minerais são substâncias naturais.

Observações:

"Placer" é o depósito natural de um mineral útil por concentração mecânica.

Clivagem é a facilidade com que o mineral se parte, existem três grupos: muito fácil (mica), fácil (calcita) e imperfeita (granada).

Fratura: pode ser concóide, estilhaçada, fibrosa, lisa ou granulosa.

DR - densidade relativa, é um peso de um mineral em relação ao peso de igual volume de água; um mineral com densidade relativa 2,6 (quartzo) é portanto, 2,6 vezes mais pesado que o mesmo volume de água.

A densidade relativa dos minerais, rochas e minérios, varia entre 1 e 4. Os que se acham abaixo de 2 são considerados leves (âmbar 1,0) e os de 2,0 a 4,0 são considerados normais (quartzo 2,6).

Entretanto existe os que ultrapassam 4,0 que são considerados pesados, por exemplo a galena (fonte do chumbo) que é 7,5. A cromita (fonte do cromo), por exemplo: 4,5 a 4,6 (eu tenho três exemplares que dá um total de +ou- 750 gramas).

Significado esotérico: "o reino mineral é o corpo da natureza, não é possível falar de magia natural sem mencionar o uso das pedras, por exemplo. Na simbologia, o reino mineral compõe-se de ferramentas para todos aqueles que desejam trabalhar nas regiões mais profundas da realidade..."

Último "censo": ... peças (02/2007)...

Outras páginas relacionadas:
Girafas em PEDRAS e GEMAS...
Girafas em CRISTAL...
Girafa em concreto celular...


--------------------------------------...

CONCRETO

O concreto é uma mistura em proporções prefixadas, de um aglutinante com água e um agregado constituído de areia e pedra, que venha a formar uma massa compacta e de consistência mais ou menos plástica, e que endureça com o tempo.

Já o concreto celular não é considerado rocha nem um mineral e sim um composto químico (no máximo diz-se uma pedra de concreto)...

Veja a girafa em concreto celular da amiga e artista plástica Maria Clara!



--------------------------------------...

GESSO e GIPSITA

Gesso é a gipsita cozida a baixa temperatura, que faz pega com água e é por isso empregada nas moldagens. Gipsita é um mineral monoclínico, sulfato de cálcio hidratado.

O gesso é um mineral e a gipsita outro mineral... O que acontece na prática é que usam muito a gipsita para também fazer o gesso (ambos são carbonato de cálcio)...

Nota: Pedra Alabastro...

Girafa em gêsso, presente da senhora que viajou ao Uruguai...

Último "censo": 5 peças (02/2007).



--------------------------------------...

ROCHA

Rocha é material agregado natural, uma massa compacta de pedra muito dura. Formado de substâncias minerais ou mineralizadas, resultante de um processo geológico determinado.

A areia e a argila, por incrível que possa parecer, são considerados rochas... Rochas são agregados de minerais (parece que há total de mais de 15.000 tipos), por exemplo:

Basalto — composto de feldspato, olivina e outro que esqueci o nome agora, mas sei que tambem é negro como a biotita
Gabro — composto de vários minerais
Granito — composto de três minerais básicos: quartzo, biotita e feldspato
Mármore — composto basicamente de calcita (ou carbonato de cálcio), o mármore é uma rocha muito usada para escultura. Calcário metamorfizado e recristalizado, duro e compacto, de cores variadas, que se pode polir e que se emprega em obras de arquitetura e escultura.

AREIA

Areia são partículas de rochas em desagregação que se apresentam em grãos maios ou menos finos, nas prais, leito de rios, desertos etc.

Na região norte do Brasil existe uma arte (não sei o nome, geralmente, chamam de garrafas de areia) de confeccionar dentro de recipientes de vidro, paisagens e desenhos feitos com areia colorida...

Artesanato feito com areia colorida dentro de copo de vidro. As temáticas são as praias, os ambientes ensolarados e tropicais do nordeste brasileiro.

Inicialmente eram usadas as areias coloridas naturalmente, oriundas de várias praias do litoral do nordeste brasileiro, criando-se de paisagens locais dentro de pequenas garrafas de vidro.

Hoje, os artesãos são capazes de reproduzir qualquer paisagem, bastando para isso uma fotografia.

Uma cola especial propicia o lacre da parte superior do copo, mantendo assim a estabilidade e manutenção do artesanato, resistindo ao tempo e à movimentos bruscos, decorrentes de eventual transporte.

Paisagem com a figura de 3 girafas feitas em areia colorida, dentro de uma garrafinha de vidro, By Edgar, adquirida em 05/2003, São Paulo.

ARGILA

A argila é um mineral constituído por fragmentos inferiores a dois micros de diâmetro e que, conforme o mineral argiloso existente, torna-se plástico. Há milhares de anos já se faziam objetos de argila...

Ela existe em toda superfície terrestre. São inúmeros os tipos de argila existentes na natureza, alguns são encontrados a céu aberto e outros em minas subterrâneas...

Quando retirada da natureza, geralmente, contém corpos indesejáveis, impurezas, e por isso necessita ser beneficiada através de processos mecânicos e químicos...

São muito usadas na queima para obtenção da cerâmica e determinadas por tipo de confecção:

telhas, tijolos, manilhas, vasos de plantas etc.
pisos, azulejos, objetos, entre outros.
para a chamada louça branca, usada principalmente em banheiros, pias, vasos sanitários.
para a chamada cerâmica artística (artesanal), com objetos utilitários, louças, objetos decorativos, esculturas etc.

Source:

Classificação e comentário do autor da pergunta

5 de 5
bem especificado.
  • Taxa
  • Comentário

Outras respostas (1)

  • Prince respondido 7 anos atrás
    A que depósitos minerais você se refere? Aos encontrados na crosta terrestre ou encontrados nas células vegetais.Estes, são cristais de oxalato de cálcio encontrados em células da begônia,figueira,espada-de-são jorge, p.ex.
    Eles podem ter a forma de areia cristalina,criatais alongados chamados ráfides,tetraedros e octaedros agregados denominados drusas.
    As figueiras tb produzem os cistólitos que são de carbonato de cálcio, são pedunculados e encontram-se nas células epidérmicas.
    • Taxa
    • Comentário
  • Sign In 

    para adicionar sua resposta

Quem está seguindo esta pergunta?

    %
    MELHORES RESPOSTAS
    Membro desde:
    Pontos: Pontos: Nível
    Total de respostas:
    Pontos nesta semana:
    Seguir
     
    Deixar de seguir
     
    Bloquear
     
    Desbloquear