promotion image of download ymail app
Promoted

O que é Atomo de Bohr?

5 Respostas

Classificação
  • Anônimo
    Há 1 década
    Resposta favorita

    Na física atômica, o átomo de Bohr é um modelo que descreve o átomo como um núcleo pequeno e carregado positivamente cercado por elétrons em órbita circular, numa estrutura similar ao do sistema solar, mas onde a atração é resultado de forças eletrostáticas e não da gravidade.

    • Commenter avatarFaça login para comentar as respostas
  • Fui!!!
    Lv 4
    Há 1 década

    O modelo de Bohr para do átomo é caracterizado pela quantização do momento angular do elétron, ou seja, somente algumas órbitas podem estar disponíveis para o elétron. Note que o modelo se refere a órbitas e isto é incompatível com o princípio de incerteza de Heisenberg, pois se não conseguimos medir simultaneamente a velocidade e a posição do elétron conseqüentemente não faz sentido falarmos em trajetória (órbita do elétron). Por isto o modelo de Bohr é enquadrado na chamada “Velha Mecânica Quântica”. Mesmo assim este modelo nos deu alguns resultados que estão de acordo com os dados experimentais, fato este que deve ser encarado antes como um acidente a como uma prova para a veracidade do modelo. Entretanto, o modelo de Bohr foi um bom começo para uma geração de físicos que tinham somente a física clássica como base para descrição de fenômenos quânticos.

    Devido o modelo de Bohr não dar importância para o princípio de incerteza, este modelo não prevê a existência da energia de ponto zero. Hoje a Mecânica Quântica que lidamos é regida pelo princípio de incerteza e as grandezas de interesse físico são obtidas através de uma média, onde tal média é calculada por meio da aplicação de um operador, correspondente a grandeza que se quer medir, que age num auto-estado quântico que pertence ao espaço vetorial de Hilbert.

    Portanto, podemos afirmar seguramente que o modelo de Bohr está errado e embora o mesmo tenha nos dado alguns resultados corretos, devemos ver estes como puramente acidentais, e nada mais justo, pelo mesmo dar início a uma ruptura na física que o modelo de Bohr é mantido, pelo menos por questões didáticas.

    • Commenter avatarFaça login para comentar as respostas
  • Há 1 década

    Dando prosseguimento aos trabalhos de Planck e Einstein, Nieis Bohr criou um modelo atômico no qual os elétrons ligados ao núcleo só poderiam se apresentar em determinados estados quantizados de energia. Com esse modelo, Bohr conseguiu deduzir teoricamente as freqüências emitidas pelo átomo de hidrogênio, o que deu grande crédito à sua teoria.

    Segundo o modelo de Bohr, os elétrons de um átomo, submetidos à ação da força atrativa de Coulomb exercida pelo núcleo, movem-se em torno dele em órbitas semelhantes às dos planetas em torno do Sol, mas sem emitir radiações, como acreditava Maxwell. Além disso, existem duas condições limitativas:

    1 - Um elétron não pode percorrer em torno do núcleo uma órbita qualquer, mas apenas determinadas órbitas. Quando o elétron se encontra numa dessas órbitas, o átomo apresenta uma energia bem definida.

    2 - Em cada órbita, podem se mover no máximo dois elétrons (princípio da exclusão).

    Ao absorver energia, um elétron pode passar de uma órbita mais interna para uma mais externa. Ao fazer a passagem inversa, o elétron libera, sob a forma de radiações eletromagnéticas, a energia correspondente à diferença entre as energias dos níveis das duas órbitas.

    Louis de Broglie (1892-1987), partindo de uma idéia que nasceu do átomo quantizado de Bohr, lançou a hipótese de que os elétrons também teriam características de onda.

    A partir daí, Erwin Schrõdinger (1887-1961) e Heisenberg (1901-1976) lançaram a mecânica quântica, na qual as partículas elementares são tratadas matematicamente como ondas.

    Fonte(s): pesquisas em internet e livros
    • Commenter avatarFaça login para comentar as respostas
  • Há 1 década

    É uma ***** que um besta um dia descobriu

    • Commenter avatarFaça login para comentar as respostas
  • O que você acha das respostas? Você pode entrar para votar em uma resposta.
  • Há 1 década

    Niels Bohr 1885 - 1962 (Nobel da física em1922). Foi o físico que em 1913 propôs e explicou o comportamento dos elétrons no átomo. Até à data pensava-se que os elétrons orbitavam o núcleo todos juntos o que era um problema pois assim seria inevitável que caíssem sobre o núcleo. Bohr demonstrou que os elétrons se agrupavam por camadas e que cada camada podia conter apenas um numero limite de elétrons.

    • Commenter avatarFaça login para comentar as respostas
Tem mais perguntas? Obtenha suas respostas perguntando agora.