Lv 10 points

jana

Respostas favoritas1%
Respostas1.934
  • que amiga é essa gente?

    eu tenho uma amizade de muitos anos, sempre a ajudei em tudo, emprestei roupas, ela ficou desempregada 7 anos, eu a ajude, não a julguei, pq ela estava deprimida, o pai teve avc, eu estive quase tidos os dias no hospital com ela. depois de um tempo qd precisei de ajuda e ela arrumou emprego, nunca foi me me ver e saiu com as amigas novas para baladas. o tempo passou e a gente se reconciliou devido o tempo de mizade, etc; esse ano aconteceu um acidente sério comigo que quse morri, tive fratura exposta e por pouco não pudi andar eainda estou com processo sério de guarda com meu filho. estou deprmida, debilitada. enfim, nos encontramos com o intuito de apoio. fazia tempo que não nos viamos. ela me procurou. soube que não estava bem. disse que pai e mãe não era pra sempre, que eu tinha que procurar um emprego(Eu estudo pra concurso),disse que a melhor coisa foi eu ter parado de beber( eu parei faz 5 anos) e ela continua, inclusive precisou de médico e remédio pra emagrecer por conta da saúde, disse que sendo muiiio positiva eu só veria meu filho no final do ano ( ELE ESTÁ EM OUTRA CIDADE), só disse coisas bem negativas, nenhum carinho, palavra amiga. fiquei tão triste, sai do encontro mais deprimida. eu me afastei. tirei dos contato. ela não me procurou

  • vcs acham ela amiga?

    eu tenho uma amizade de muitos anos, sempre a ajudei em tudo, emprestei roupas, ela ficou desempregada 7 anos, eu a ajude, não a julguei, pq ela estava deprimida, o pai teve avc, eu estive quase tidos os dias no hospital com ela. depois de um tempo qd precisei de ajuda e ela arrumou emprego, nunca foi me me ver e saiu com as amigas novas para baladas. o tempo passou e a gente se reconciliou devido o tempo de mizade, etc; esse ano aconteceu um acidente sério comigo que quse morri, tive fratura exposta e por pouco não pudi andar eainda estou com processo sério de guarda com meu filho. estou deprmida, debilitada. enfim, nos encontramos com o intuito de apoio. fazia tempo que não nos viamos. ela me procurou. soube que não estava bem. disse que pai e mãe não era pra sempre, que eu tinha que procurar um emprego(Eu estudo pra concurso),disse que a melhor coisa foi eu ter parado de beber( eu parei faz 5 anos) e ela continua, inclusive precisou de médico e remédio pra emagrecer por conta da saúde, disse que sendo muiiio positiva eu só veria meu filho no final do ano ( ELE ESTÁ EM OUTRA CIDADE), só disse coisas bem negativas, nenhum carinho, palavra amiga. fiquei tão triste, sai do encontro mais deprimida. eu me afastei. tirei dos contato. ela não me procurou

  • vcs acham ela amiga?

    eu tenho uma amizade de muitos anos, sempre a ajudei em tudo, emprestei roupas, ela ficou desempregada 7 anos, eu a ajude, não a julguei, pq ela estava deprimida, o pai teve avc, eu estive quase tidos os dias no hospital com ela. depois de um tempo qd precisei de ajuda e ela arrumou emprego, nunca foi me me ver e saiu com as amigas novas para baladas. o tempo passou e a gente se reconciliou devido o tempo de mizade, etc; esse ano aconteceu um acidente sério comigo que quse morri, tive fratura exposta e por pouco não pudi andar eainda estou com processo sério de guarda com meu filho. estou deprmida, debilitada. enfim, nos encontramos com o intuito de apoio. fazia tempo que não nos viamos. ela me procurou. soube que não estava bem. disse que pai e mãe não era pra sempre, que eu tinha que procurar um emprego(Eu estudo pra concurso), que sendo muiiio positiva eu só veria meu filho no final do ano ( ELE ESTÁ EM OUTRA CIDADE), só disse coisas bem negativas, nenhum carinho, palavra amiga. fiquei tão triste, sai do encontro mais deprimida. me ajudem, por favor

  • pq ele não pede o divorcio?

    Estou em processo de guarda e meu filho está com meu marido provisoriamente. Nunca fiz mal ao meu filho. Mas eu sofria pressão psicológica do meu marido, ele é alcola

    atra, eu fui ficando deprimida e tentei suícidio(Pulei do prédio). ele não me socorreu, não deu assistência. estou em outra cidade, a dos meus pais. e enquanto eu fazia uma cirurgia grave, ele apoveitou para entrar com um processo de guarda. esse fds, ele deixou meu filho praticamente sozinho com o avô de 71 ano e saiu para beber com os amigos. em nenhum momento o avô o ajudou em nada, nem para se limpara( algo que ele ainda não sabe fazer). eu gravei tudo. Soube que ele estava bebendo pq foi a irmã que é vizinha de porta que disse ao meu filho para me dizer isso. meu filho ainda disse: mas não tem problema mama~e, papai sempre chega de noite em casa. ele não trabalha a noite.e trabalha em casa. a irma embora seja vizinha em nenhum momento foi ao apartamento para ver a criança. passei a tarde ao telefone com meu filho. pq será que a irmã dele falou isso? ele bebe todos os dias, sai todos os dias, desde a época que viviamos juntos. ele não paga apartamento, vive de mentiras, me roubou. ele se fazia de bom para meus pais, até a máscara cair.Esse fds, meu marido estava on line no cel e não me atendeu. só ligou bem tarde para que eu falasse com a criança. e ela vem me perguntando direto se eu tenho medo de altura de apartamento, isso do nada.

  • estou muito triste, me ajudem?

    Estou em processo de guarda e meu filho está com meu marido provisoriamente. Nunca fiz mal ao meu filho. Mas eu sofria pressão psicológica do meu marido, ele é alcola

    atra, eu fui ficando deprimida e tentei suícidio(Pulei do prédio). ele não me socorreu, não deu assistência. estou em outra cidade, a dos meus pais. e enquanto eu fazia uma cirurgia grave, ele apoveitou para entrar com um processo de guarda. esse fds, ele deixou meu filho praticamente sozinho com o avô de 71 ano e saiu para beber com os amigos. em nenhum momento o avô o ajudou em nada, nem para se limpara( algo que ele ainda não sabe fazer). eu gravei tudo. Soube que ele estava bebendo pq foi a irmã que é vizinha de porta que disse ao meu filho para me dizer isso. meu filho ainda disse: mas não tem problema mama~e, papai sempre chega de noite em casa. ele não trabalha a noite.e trabalha em casa. a irma embora seja vizinha em nenhum momento foi ao apartamento para ver a criança. passei a tarde ao telefone com meu filho. pq será que a irmã dele falou isso? ele bebe todos os dias, sai todos os dias, desde a época que viviamos juntos. ele não paga apartamento, vive de mentiras, me roubou. ele se fazia de bom para meus pais, até a máscara cair.Esse fds, meu marido estava on line no cel e não me atendeu. só ligou bem tarde para que eu falasse com a criança. e ela vem me perguntando direto se eu tenho medo de altura de apartamento, isso do nada.

  • vcs acham que ela quis me alertar?

    Estou em processo de guarda e meu filho está com meu marido provisoriamente. Nunca fiz mal ao meu filho. Mas eu sofria pressão psicológica do meu marido, ele é alcola

    atra, eu fui ficando deprimida e tentei suícidio. ele não me socorreu, não deu assistência. estou em outra cidade, a dos meus pais. e enquanto eu fazia uma cirurgia grave, ele apoveitou para entrar com um processo de guarda. esse fds, ele deixou meu filho praticamente sozinho com o avô de 71 ano e saiu para beber com os amigos. em nenhum momento o avô o ajudou em nada, nem para se limpara( algo que ele ainda não sabe fazer). eu gravei tudo. Soube que ele estava bebendo pq foi a irmã que é vizinha de porta que disse ao meu filho para me dizer isso. meu filho ainda disse: mas não tem problema mama~e, papai sempre chega de noite em casa. ele não trabalha a noite.e trabalha em casa. a irma embora seja vizinha em nenhum momento foi ao apartamento para ver a criança. passei a tarde ao telefone com meu filho. pq será que a irmã dele falou isso? ele bebe todos os dias, sai todos os dias, desde a época que viviamos juntos. ele não paga apartamento, vive de mentiras, me roubou. ele se fazia de bom para meus pais, até a máscara cair.

  • estou muito triste, me ajudem, a saudade está grande?

    Estou em processo de guarda e meu filho está com meu marido provisoriamente. Nunca fiz mal ao meu filho. Mas eu sofria pressão psicológica do meu marido, ele é alcola

    atra, eu fui ficando deprimida e tentei suícidio(Pulei do prédio). ele não me socorreu, não deu assistência. estou em outra cidade, a dos meus pais. e enquanto eu fazia uma cirurgia grave, ele apoveitou para entrar com um processo de guarda. esse fds, ele deixou meu filho praticamente sozinho com o avô de 71 ano e saiu para beber com os amigos. em nenhum momento o avô o ajudou em nada, nem para se limpara( algo que ele ainda não sabe fazer). eu gravei tudo. Soube que ele estava bebendo pq foi a irmã que é vizinha de porta que disse ao meu filho para me dizer isso. meu filho ainda disse: mas não tem problema mama~e, papai sempre chega de noite em casa. ele não trabalha a noite.e trabalha em casa. a irma embora seja vizinha em nenhum momento foi ao apartamento para ver a criança. passei a tarde ao telefone com meu filho. pq será que a irmã dele falou isso? ele bebe todos os dias, sai todos os dias, desde a época que viviamos juntos. ele não paga apartamento, vive de mentiras, me roubou. ele se fazia de bom para meus pais, até a máscara cair.Esse fds, meu marido estava on line no cel e não me atendeu. só ligou bem tarde para que eu falasse com a criança. e ela vem me perguntando direto se eu tenho medo de altura de apartamento, isso do nada.

  • pq ele fica fazendo isso?

    Estou em processo de guarda e meu filho está com meu marido provisoriamente. Nunca fiz mal ao meu filho. Mas eu sofria pressão psicológica do meu marido, ele é alcola

    atra, eu fui ficando deprimida e tentei suícidio(Pulei do prédio). ele não me socorreu, não deu assistência. estou em outra cidade, a dos meus pais. e enquanto eu fazia uma cirurgia grave, ele apoveitou para entrar com um processo de guarda. esse fds, ele deixou meu filho praticamente sozinho com o avô de 71 ano e saiu para beber com os amigos. em nenhum momento o avô o ajudou em nada, nem para se limpara( algo que ele ainda não sabe fazer). eu gravei tudo. Soube que ele estava bebendo pq foi a irmã que é vizinha de porta que disse ao meu filho para me dizer isso. meu filho ainda disse: mas não tem problema mama~e, papai sempre chega de noite em casa. ele não trabalha a noite.e trabalha em casa. a irma embora seja vizinha em nenhum momento foi ao apartamento para ver a criança. passei a tarde ao telefone com meu filho. pq será que a irmã dele falou isso? ele bebe todos os dias, sai todos os dias, desde a época que viviamos juntos. ele não paga apartamento, vive de mentiras, me roubou. ele se fazia de bom para meus pais, até a máscara cair.Esse fds, meu marido estava on line no cel e não me atendeu. só ligou bem tarde para que eu falasse com a criança. e ela vem me perguntando direto se eu tenho medo de altura de apartamento, isso do nada.

  • me ajudem, por favor, preciso!!!?

    Estou em processo de guarda e meu filho está com meu marido provisoriamente. Nunca fiz mal ao meu filho. Mas eu sofria pressão psicológica do meu marido, ele é alcola

    atra, eu fui ficando deprimida e tentei suícidio(Pulei do prédio). ele não me socorreu, não deu assistência. estou em outra cidade, a dos meus pais. e enquanto eu fazia uma cirurgia grave, ele apoveitou para entrar com um processo de guarda. esse fds, ele deixou meu filho praticamente sozinho com o avô de 71 ano e saiu para beber com os amigos. em nenhum momento o avô o ajudou em nada, nem para se limpara( algo que ele ainda não sabe fazer). eu gravei tudo. Soube que ele estava bebendo pq foi a irmã que é vizinha de porta que disse ao meu filho para me dizer isso. meu filho ainda disse: mas não tem problema mama~e, papai sempre chega de noite em casa. ele não trabalha a noite.e trabalha em casa. a irma embora seja vizinha em nenhum momento foi ao apartamento para ver a criança. passei a tarde ao telefone com meu filho. pq será que a irmã dele falou isso? ele bebe todos os dias, sai todos os dias, desde a época que viviamos juntos. ele não paga apartamento, vive de mentiras, me roubou. ele se fazia de bom para meus pais, até a máscara cair.Esse fds, meu marido estava on line no cel e não me atendeu. só ligou bem tarde para que eu falasse com a criança. e ela vem me perguntando direto se eu tenho medo de altura de apartamento, isso do nada.

    FamíliaHá 3 meses
  • alguém amadurecido pra me ajudar, por favor?

    Estou em processo de guarda e meu filho está com meu marido provisoriamente. Nunca fiz mal ao meu filho. Mas eu sofria pressão psicológica do meu marido, ele é alcola

    atra, eu fui ficando deprimida e tentei suícidio(Pulei do prédio). ele não me socorreu, não deu assistência. estou em outra cidade, a dos meus pais. e enquanto eu fazia uma cirurgia grave, ele apoveitou para entrar com um processo de guarda. esse fds, ele deixou meu filho praticamente sozinho com o avô de 71 ano e saiu para beber com os amigos. em nenhum momento o avô o ajudou em nada, nem para se limpara( algo que ele ainda não sabe fazer). eu gravei tudo. Soube que ele estava bebendo pq foi a irmã que é vizinha de porta que disse ao meu filho para me dizer isso. meu filho ainda disse: mas não tem problema mama~e, papai sempre chega de noite em casa. ele não trabalha a noite.e trabalha em casa. a irma embora seja vizinha em nenhum momento foi ao apartamento para ver a criança. passei a tarde ao telefone com meu filho. pq será que a irmã dele falou isso? ele bebe todos os dias, sai todos os dias, desde a época que viviamos juntos. ele não paga apartamento, vive de mentiras, me roubou. ele se fazia de bom para meus pais, até a máscara cair.Esse fds, meu marido estava on line no cel e não me atendeu. só ligou bem tarde para que eu falasse com a criança. e ela vem me perguntando direto se eu tenho medo de altura de apartamento, isso do nada.

  • pq vcs acham que meu filho falou isso?sejam sinceros?

    Estou em processo de guarda e meu filho está com meu marido provisoriamente. Nunca fiz mal ao meu filho. Mas eu sofria pressão psicológica do meu marido, ele é alcola

    atra, eu fui ficando deprimida e tentei suícidio(Pulei do prédio). ele não me socorreu, não deu assistência. estou em outra cidade, a dos meus pais. e enquanto eu fazia uma cirurgia grave, ele apoveitou para entrar com um processo de guarda. esse fds, ele deixou meu filho praticamente sozinho com o avô de 71 ano e saiu para beber com os amigos. em nenhum momento o avô o ajudou em nada, nem para se limpara( algo que ele ainda não sabe fazer). eu gravei tudo. Soube que ele estava bebendo pq foi a irmã que é vizinha de porta que disse ao meu filho para me dizer isso. meu filho ainda disse: mas não tem problema mama~e, papai sempre chega de noite em casa. ele não trabalha a noite.e trabalha em casa. a irma embora seja vizinha em nenhum momento foi ao apartamento para ver a criança. passei a tarde ao telefone com meu filho. pq será que a irmã dele falou isso? ele bebe todos os dias, sai todos os dias, desde a época que viviamos juntos. ele não paga apartamento, vive de mentiras, me roubou. ele se fazia de bom para meus pais, até a máscara cair.Esse fds, meu marido estava on line no cel e não me atendeu. só ligou bem tarde para que eu falasse com a criança. e ela vem me perguntando direto se eu tenho medo de altura de apartamento, isso do nada.

  • vcs queriam uma amizade dessa?

    eu tenho uma amizade de muitos anos, sempre a ajudei em tudo, emprestei roupas, ela ficou desempregada 7 anos, eu a ajude, não a julguei, pq ela estava deprimida, o pai teve avc, eu estive quase tidos os dias no hospital com ela. depois de um tempo qd precisei de ajuda e ela arrumou emprego, nunca foi me me ver e saiu com as amigas novas para baladas. o tempo passou e a gente se reconciliou devido o tempo de mizade, etc; esse ano aconteceu um acidente sério comigo que quse morri, tive fratura exposta e por pouco não pudi andar eainda estou com processo sério de guarda com meu filho. estou deprmida, debilitada. enfim, nos encontramos com o intuito de apoio. fazia tempo que não nos viamos. ela me procurou. soube que não estava bem. disse que pai e mãe não era pra sempre, que eu tinha que procurar um emprego(Eu estudo pra concurso), que sendo muiiio positiva eu só veria meu filho no final do ano ( ELE ESTÁ EM OUTRA CIDADE), só disse coisas bem negativas, nenhum carinho, palavra amiga. fiquei tão triste, sai do encontro mais deprimida. me ajudem, por favor

    AmigosHá 3 meses
  • VCS ACHAM QUE ELA QUIS ME ALERTAR DE ALGO OU ME FAZER MAL?

    Estou em processo de guarda e meu filho está com meu marido provisoriamente. Nunca fiz mal ao meu filho. Mas eu sofria pressão psicológica do meu marido, ele é alcola

    atra, eu fui ficando deprimida e tentei suícidio. ele não me socorreu, não deu assistência. estou em outra cidade, a dos meus pais. e enquanto eu fazia uma cirurgia grave, ele apoveitou para entrar com um processo de guarda. esse fds, ele deixou meu filho praticamente sozinho com o avô de 71 ano e saiu para beber com os amigos. em nenhum momento o avô o ajudou em nada, nem para se limpara( algo que ele ainda não sabe fazer). eu gravei tudo. Soube que ele estava bebendo pq foi a irmã que é vizinha de porta que disse ao meu filho para me dizer isso. meu filho ainda disse: mas não tem problema mama~e, papai sempre chega de noite em casa. ele não trabalha a noite.e trabalha em casa. a irma embora seja vizinha em nenhum momento foi ao apartamento para ver a criança. passei a tarde ao telefone com meu filho. pq será que a irmã dele falou isso? ele bebe todos os dias, sai todos os dias, desde a época que viviamos juntos. ele não paga apartamento, vive de mentiras, me roubou. ele se fazia de bom para meus pais, até a máscara cair. por favor, devo comunicar ao meu advogado?

    FamíliaHá 3 meses
  • gente, vcs acham que ela quis me alertar ou me fazer mal?

    Estou em processo de guarda e meu filho está com meu marido provisoriamente. Nunca fiz mal ao meu filho. Mas eu sofria pressão psicológica do meu marido, ele é alcola

    atra, eu fui ficando deprimida e tentei suícidio. ele não me socorreu, não deu assistência. estou em outra cidade, a dos meus pais. e enquanto eu fazia uma cirurgia grave, ele apoveitou para entrar com um processo de guarda. esse fds, ele deixou meu filho praticamente sozinho com o avô de 71 ano e saiu para beber com os amigos. em nenhum momento o avô o ajudou em nada, nem para se limpara( algo que ele ainda não sabe fazer). eu gravei tudo. Soube que ele estava bebendo pq foi a irmã que é vizinha de porta que disse ao meu filho para me dizer isso. meu filho ainda disse: mas não tem problema mama~e, papai sempre chega de noite em casa. ele não trabalha a noite.e trabalha em casa. a irma embora seja vizinha em nenhum momento foi ao apartamento para ver a criança. passei a tarde ao telefone com meu filho. pq será que a irmã dele falou isso? ele bebe todos os dias, sai todos os dias, desde a época que viviamos juntos. ele não paga apartamento, vive de mentiras, me roubou. ele se fazia de bom para meus pais, até a máscara cair. por favor, devo comunicar ao meu advogado?

  • pq vcs acham que minha cunhada falou isso?

    Estou em processo de guarda e meu filho está com meu marido provisoriamente. Nunca fiz mal ao meu filho. Mas eu sofria pressão psicológica do meu marido, ele é alcola

    atra, eu fui ficando deprimida e tentei suícidio. ele não me socorreu, não deu assistência. estou em outra cidade, a dos meus pais. e enquanto eu fazia uma cirurgia grave, ele apoveitou para entrar com um processo de guarda. esse fds, ele deixou meu filho praticamente sozinho com o avô de 71 ano e saiu para beber com os amigos. em nenhum momento o avô o ajudou em nada, nem para se limpara( algo que ele ainda não sabe fazer). eu gravei tudo. Soube que ele estava bebendo pq foi a irmã que é vizinha de porta que disse ao meu filho para me dizer isso. meu filho ainda disse: mas não tem problema mama~e, papai sempre chega de noite em casa. ele não trabalha a noite.e trabalha em casa. a irma embora seja vizinha em nenhum momento foi ao apartamento para ver a criança. passei a tarde ao telefone com meu filho. pq será que a irmã dele falou isso? ele bebe todos os dias, sai todos os dias, desde a época que viviamos juntos. ele não paga apartamento, vive de mentiras, me roubou. ele se fazia de bom para meus pais, até a máscara cair. por favor, devo comunicar ao meu advogado?

  • preciso de uma ajuda, por favor?

    Estou em processo de guarda e meu filho está com meu marido provisoriamente. Nunca fiz mal ao meu filho. Mas eu sofria pressão psicológica do meu marido, ele é alcola

    atra, eu fui ficando deprimida e tentei suícidio. ele não me socorreu, não deu assistência. estou em outra cidade, a dos meus pais. e enquanto eu fazia uma cirurgia grave, ele apoveitou para entrar com um processo de guarda. esse fds, ele deixou meu filho praticamente sozinho com o avô de 71 ano e saiu para beber com os amigos. em nenhum momento o avô o ajudou em nada, nem para se limpara( algo que ele ainda não sabe fazer). eu gravei tudo. Soube que ele estava bebendo pq foi a irmã que é vizinha de porta que disse ao meu filho para me dizer isso. meu filho ainda disse: mas não tem problema mama~e, papai sempre chega de noite em casa. ele não trabalha a noite.e trabalha em casa. a irma embora seja vizinha em nenhum momento foi ao apartamento para ver a criança. passei a tarde ao telefone com meu filho. pq será que a irmã dele falou isso? ele bebe todos os dias, sai todos os dias, desde a época que viviamos juntos. ele não paga apartamento, vive de mentiras, me roubou. ele se fazia de bom para meus pais, até a máscara cair. por favor, devo comunicar ao meu advogado?

  • como vcs se sentiriam com esse psicóloga?

    Pessoal, eu fui vítima de abuso físico psicológico qd criança, tenho fortes traumas. meu pai é álcoolatra. me casei com um homem que me abusou tb, me roubou, foram anos de abuso e eu não sabia o que fazer pq estava debilitada e depressiva. ele dizia que ninguém gostava de mim, tinham dó de mim, que eu não era nada, pra eu me jogar, me matar, eu chorava muito e não sabia o que fazer. até que após alguns anos de muitas humilhações culminou uma tentativa de suícidio. eu pulei de 12 andar ( eu estava desesperada) não me recordo direiro. cai numa telha. fiz 2 cirugias. estou andando. tive uma fratura exposta na perna. fui a psicológa . estou mal. meu marido está com meu filho provisoriamente , eu amo meu filho, isso me dói. perguntei a terapeuta se ter sobrevivido poderia ter sido um milagre ou castigo? ela disse que poderia ser um ou outro. gente, eu fiquei muito péssima. foi minha primeira consulta. e tds médicos, enfermeiros disseram que eu ter sobrevivido foi um milagre de Deus, até o pessoal do samu. me senti meio mal com isso sabe...

  • vcs acham que ele é amiga de verdade?

    eu tenho uma amizade de muitos anos, sempre a ajudei em tudo, emprestei roupas, ela ficou desempregada 7 anos, eu a ajude, não a julguei, pq ela estava deprimida, o pai teve avc, eu estive quase tidos os dias no hospital com ela. depois de um tempo qd precisei de ajuda e ela arrumou emprego, nunca foi me me ver e saiu com as amigas novas para baladas. o tempo passou e a gente se reconciliou devido o tempo de mizade, etc; esse ano aconteceu um acidente sério comigo que quse morri, tive fratura exposta e por pouco não pudi andar eainda estou com processo sério de guarda com meu filho. estou deprmida, debilitada. enfim, nos encontramos com o intuito de apoio. fazia tempo que não nos viamos. ela me procurou. soube que não estava bem. disse que pai e mãe não era pra sempre, que eu tinha que procurar um emprego(Eu estudo pra concurso), que sendo muiiio positiva eu só veria meu filho no final do ano ( ELE ESTÁ EM OUTRA CIDADE), só disse coisas bem negativas, nenhum carinho, palavra amiga. fiquei tão triste, sai do encontro mais deprimida. me ajudem, por favor

  • vcs acham que devo comunicar ao meu advogado?

    Estou em processo de guarda do meu filho que está sendo muito delicada. A criança está com o pai, eu não fiz nada com a criança, amo meu menino. Sofria violência psicológica e cai em um quadro depressivo que culminou em uma tentativa de suícidio. Ele não me socorreu nada fez para ajudar.E enquanto eu estava fazendo uma cirurgia de risco, ele se aproveirou para fazer um processo de guarda. Meu fiçho encontra-se com ele no momento. estou com advogado. descobri depois várias fraudes, mentiras, ele dormia com cel ao lado, enfim...a situaçã atual é a seguinte, ele está fazendo a maior confusão para tirar meu filho de mim, mas não quer arcar com as responsabilidades, quer ter vida de "solteiro".estou falando com meu filho por telefone(vídeo). fds passado , ele deixou sem motivo justificavél o celular desligado o fds inteiro. E neste, deixou a criança de 5 na casa do pai, um senho de 71 anos, que não tem condições

    de ficar com uma criança, pois o tempo que fiquei ao cel com meu filho, o avô esteve o tempo inteiro trancado no quarto, inclusive meu filho precisou ir ao banheiro e ele ainda não sabe se limpar sozinho. Liguei mais tarde e meu filho disse que a irmã dele, disse que ele estava no bar com os amigos bebendo e que voltaria. se eu não estivesse ligando, tenho certeza